Frete Grátis
  • Google Plus

A Casa Das Marionetes (Cód: 8939252)

Santana Filho

Reformatório

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 36,00 R$ 31,70 (-12%)
Cartão Saraiva R$ 30,12 (-5%) em até 1x no cartão
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Neste belo romance, o leitor entra na casa pela vigília de uma moribunda que se recusa a morrer, numa das lembranças de um narrador criado e hipnotizado por uma respeitada família matriarcal. Depois, nunca mais se escapa dela, ficamos ali pelos cômodos, na calmaria e calor de palavras e frases que aconchegam a leitura.
Nos quartos contíguos da casa da avó, o leitor ouve a chuva, tomando caldo de mocotó, adentrando a casa que guarda uma caixa de marionetes, a casa mesma tem seus personagens acionados por cordéis, fatos e distorções de um narrador que não tem pressa de contar e lembrar a invenção que é a família, a consanguinidade envenenando e fechando o círculo bem apertado.
Neste grande romance, ninguém recebe a graça da fé antes de nascer ou morrer, possui a graça quem fabula. O narrador recorda sua infância onde tia Dália é a sacerdotisa que dissolve na língua recortes de jornal, numa metáfora deste texto poético, as palavras são de colheita fácil, dadas pelo autor com generosidade e beleza.
Santana Filho faz do leitor o mesmo devoto clandestino de uma casa que, depois de habitada, será nossa prisão.
Andrea del Fuego
Neste belo romance, o leitor entra na casa pela vigília de uma moribunda que se recusa a morrer, numa das lembranças de um narrador criado e hipnotizado por uma respeitada família matriarcal. Depois, nunca mais se escapa dela, ficamos ali pelos cômodos, na calmaria e calor de palavras e frases que aconchegam a leitura.
Nos quartos contíguos da casa da avó, o leitor ouve a chuva, tomando caldo de mocotó, adentrando a casa que guarda uma caixa de marionetes, a casa mesma tem seus personagens acionados por cordéis, fatos e distorções de um narrador que não tem pressa de contar e lembrar a invenção que é a família, a consanguinidade envenenando e fechando o círculo bem apertado.
Neste grande romance, ninguém recebe a graça da fé antes de nascer ou morrer, possui a graça quem fabula. O narrador recorda sua infância onde tia Dália é a sacerdotisa que dissolve na língua recortes de jornal, numa metáfora deste texto poético, as palavras são de colheita fácil, dadas pelo autor com generosidade e beleza.
Santana Filho faz do leitor o mesmo devoto clandestino de uma casa que, depois de habitada, será nossa prisão.
Andrea del Fuego
Neste belo romance, o leitor entra na casa pela vigília de uma moribunda que se recusa a morrer, numa das lembranças de um narrador criado e hipnotizado por uma respeitada família matriarcal. Depois, nunca mais se escapa dela, ficamos ali pelos cômodos, na calmaria e calor de palavras e frases que aconchegam a leitura.
Nos quartos contíguos da casa da avó, o leitor ouve a chuva, tomando caldo de mocotó, adentrando a casa que guarda uma caixa de marionetes, a casa mesma tem seus personagens acionados por cordéis, fatos e distorções de um narrador que não tem pressa de contar e lembrar a invenção que é a família, a consanguinidade envenenando e fechando o círculo bem apertado.
Neste grande romance, ninguém recebe a graça da fé antes de nascer ou morrer, possui a graça quem fabula. O narrador recorda sua infância onde tia Dália é a sacerdotisa que dissolve na língua recortes de jornal, numa metáfora deste texto poético, as palavras são de colheita fácil, dadas pelo autor com generosidade e beleza.
Santana Filho faz do leitor o mesmo devoto clandestino de uma casa que, depois de habitada, será nossa prisão.
Andrea del Fuego

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Reformatório
Cód. Barras 9788566887174
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788566887174
Profundidade 1.20 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2015
Idioma Português
Número de Páginas 240
Peso 0.30 Kg
Largura 14.00 cm
AutorSantana Filho

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: A Casa Das Marionetes