Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 42 Artboard 21 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 42 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 23 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 6 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 43 Artboard 44 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 46 Artboard 8

A Entrega - Memórias Eróticas (Cód: 184172)

Bentley, Toni

Objetiva

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 47,90

em até 1x de R$ 47,90 sem juros
Boleto: R$ 43,11 (-10%)
Cartão Saraiva: 1x de R$ 45,51 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


A Entrega - Memórias Eróticas

R$47,90

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Poucas mulheres praticam, e um número menor ainda admite fazê-lo. Desde 'A História de O' até 'O Beijo e A Vida Sexual de Catherine M.', leitores se deixam fascinar por memórias subversivas escritas por mulheres. Mas nem mesmo esses clássicos eróticos ousaram desbravar o terreno que Toni Bentley explora em 'A Entrega'. Ao conhecer um amante que lhe apresenta ao sexo anal, ato que ela define como 'sagrado', ela descobre um prazer radical e inesperado que a faz 'despertar' e descobrir os caminhos de sua própria sexualidade. Nestas memórias ousadas e íntimas, escritas em primeira pessoa, a autora afasta o véu que esconde a experiência erótica proibida desde os tempos bíblicos e celebra 'a felicidade que existe do outro lado das convenções, onde o risco é real e onde reside o êxtase'. Este livro é uma exploração sagaz, inteligente e eloqüente da obsessão de uma mulher que fará os leitores questionarem seus próprios desejos. Trata-se de um relato sagaz e corajoso do percurso de uma mulher pelos labirintos do desejo e da alma.

Características

Peso 0.31 Kg
Produto sob encomenda Sim
Editora Objetiva
I.S.B.N. 8573027177
Altura 21.00 cm
Largura 14.00 cm
Profundidade 1.50 cm
Número de Páginas 220
Idioma Português
Acabamento Brochura
Tradutor Oliveira, Maria Cláudia
Cód. Barras 9788573027174
Número da edição 1
Ano da edição 2005
País de Origem Brasil
AutorBentley, Toni

Leia um trecho

"Sexo anal é, para mim, um acontecimento literário". "Uma vez, amei tanto um homem que eu mesma não existia mais - tudo Ele, não Eu. Agora amo tanto a mim mesma que nenhum homem existe - tudo Eu, não Eles. Todos eram Deus, e eu, uma invenção da minha própria imaginação. O mesmo jogo, posições trocadas. Não sei jogar de outra maneira. Alguém precisa estar por cima e alguém, por baixo. Lado a lado é um tédio. Tentei fazer isso uma vez durante alguns instantes loucamente confusos. A igualdade nega o progresso e evita a ação. Mas um alto e um baixo, bem, eles podem ir à Lua e voltar antes que os iguais consigam negociar quem paga, quem fica deitado e quem leva a culpa. Minha transformação, entretanto, não foi de baixo para cima, mas de baixo para baixo: de minha desprezível submissão emocional a minha abençoada submissão sexual. Esta é a história da minha mudança - e do preço que paguei. Muito caro. Impossível de calcular.'' "Curve-se", ele diria, gentil, firme. Posso ouvi-lo agora - ecoando nas entranhas de meu ser."