Frete Grátis
  • Google Plus

A Passagem do Século : 1480-1520 (Cód: 437410)

Gruzinsky,Serge

Companhia Das Letras

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 39,90 R$ 27,10 (-32%)
Cartão Saraiva R$ 25,75 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


A Passagem do Século : 1480-1520

R$27,10

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Caramuru, cuja epopéia é mencionada neste livro, foi um dos milhares de contemporâneos dos descobrimentos marítimos que, no limiar do século XVI, tiveram a coragem de se instalar em terras inóspitas e o mérito de criar pontes entre sociedades que até então tudo separava. Na virada do século XV para o XVI, o vasto Oceano perdeu seus mistérios, uniu mundos, acelerou e intensificou o intercâmbio de povos distantes. 'Cumpriu-se o mar', diria mais tarde o poeta Fernando Pessoa.
O que marca a passagem do século XV para o XVI é que aí se situam as origens da globalização. Não ainda a mundialização mercantil que se inicia com a Revolução Industrial, nem a globalização atual das transações financeiras. O que se globaliza na virada do século XV para o XVI é o conhecimento do outro. Pela primeira vez, todos os recantos do mundo são mutuamente revelados. Em menos de cinqüenta anos, ibéricos, orientais, africanos e os recém-'descobertos' astecas e tupis ouvem falar de terras, povos, costumes e religiões de cuja existência nunca suspeitaram.
O apogeu da expansão marítima européia é um momento de descobertas. Cartógrafos rivalizam na feitura de mapas-múndi e atlas, cada qual registrando as últimas novidades planetárias. Plantas como o cacau, a canela, a batata e a cana e animais como perus, cavalos e galinhas são transportados de um continente a outro. Europeus se deslumbram com a literatura de viagens, enquanto seus antípodas japoneses estranham os narigões dos portugueses que desembarcam com a novidade das armas de fogo.
Em busca de fortuna e aventura ou com a nobre missão de expandir o reino de Cristo, milhares de mercadores, espiões, cruzados e fidalgos trilharam o mundo em torno de 1500. Alguns decênios mais tarde, vai se revelar a face cruel do processo de conquista, catequese e colonização das novas terras. Mas, na virada para o século XVI, o que se celebra é essa aventura civilizatória única, de alcance planetário, que levou o mundo a se conhecer.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Companhia Das Letras
Cód. Barras 9788571649651
Altura 0.00 cm
I.S.B.N. 8571649650
Profundidade 0.00 cm
Idioma Português
País de Origem Brasil
Peso 0.42 Kg
Largura 0.00 cm
AutorGruzinsky,Serge

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: A Passagem do Século : 1480-1520