Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Aprender Como Autor (Cód: 8558331)

Demo,Pedro

Atlas

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 65,00

em até 2x de R$ 32,50 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 61,75 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 2x sem juros de


Aprender Como Autor

R$65,00

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Aprendizagem é o exercício permanente de Autoria, expectativa que se avivou ainda mais com a web 2.0, ao insistir na geração de conteúdo próprio como signo maior do trabalho individual e coletivo na internet. Entre outros exemplos convincentes, temos a Wikipédia, uma enciclopédia digital que enfeixa a produção coletiva, pública e gratuita de um bando de autores. Não substitui outras enciclopédias, mas oferece um dos ambientes mais prolíferos de aprendizagem como autoria, postada sobre a pedagogia da problematização aberta e as novas epistemologias voltadas para um sentido autorrenovador de conhecimento. O mundo das novas tecnologias, a bem da verdade, não inventou novas teorias da aprendizagem, mas as reconfigura constantemente como palcos de autoria individual e coletiva, ressaltando dimensões da motivação intrínseca (nos videogames sérios, por exemplo), da promoção da autonomia do estudante capaz de autodirecionar seu estudo sob orientação docente, da produção de conhecimento próprio como fonte decisiva de oportunidades na sociedade/economia do conhecimento. Autoria é termo de história milenar e atávica, se pensarmos que no primeiro livro da Bíblia, o Gênesis, o “pecado” aí relatado foi da criatura contra o Criador – Adão e Eva comeram do fruto da árvore proibida, pretendendo se tornar deuses também. Este confronto passou a ser visto como ícone das propostas de emancipação, em especial em Paulo Freire, que, ao burilar o termo conscientização, indicava que o oprimido só se livra do opressor se souber pensar, retomando a autoria de seu destino. A maior opressão possível é ter o destino preso às mãos dos outros, porque implica esperar do opressor a libertação. Enquanto isso ocorrer, não haverá emancipação. Esta se torna possível se o oprimido, num gesto de crítica autocrítica, descobrir que, se solução houver, depende de sua autoria, acima de tudo. Precisa da ajuda de todos, mas a melhor ajuda será aquela que, de tão bem feita, se anula, ou seja, aquela que transforma o ajudado em autor. Autoria não deve virar modismo. Mas é referência das mais elegantes do que esperamos de um estudante, em especial de um professor. Livro destinado a professores, pesquisadores e estudantes de educação (pedagogia e licenciaturas), bem como a todos os professores universitários que pretendem cuidar da aprendizagem de seus estudantes, não apenas do repasse instrucionista de conteúdos. Serve mormente para rever ambientes escolares e universitários que, ultrapassando didáticas reprodutivistas, buscam armar condições nas quais os estudantes se tornam protagonistas cruciais de sua aprendizagem. Tem particular significado para a formação dos professores como autores.

Características

Peso 0.29 Kg
Produto sob encomenda Sim
Editora Atlas
I.S.B.N. 9788522495405
Altura 21.00 cm
Largura 14.00 cm
Profundidade 1.00 cm
Número de Páginas 240
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788522495405
Número da edição 1
Ano da edição 2015
AutorDemo,Pedro