Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Areia nos Dentes (Cód: 3079565)

Xerxenesky,Antônio

Rocco

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

Economize até R$ 2,40

R$ 21,60 (-10%) em até 1x no crédito R$ 21,60 (-10%) no boleto
R$ 24,00
Cartão Saraiva R$ 21,60 (-10%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Areia nos Dentes

R$24,00

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Homens com armas no coldre, à espreita do perigo. Duelos, carteados, mariachis, ambiente desértico, entra e sai no saloon. Elementos típicos das melhores histórias de faroeste povoam o primeiro romance do gaúcho Antônio Xerxenesky. Embaralhadas a eles, situações em geral alienígenas ao clássico repertório do Velho Oeste: um escritor às voltas com um vírus de computador, pitadas irônicas de metalinguagem e até um ataque de zumbis.

Não à toa, o autor dedica parte de seus agradecimentos a um eclético rol de artistas: os escritores Thomas Pynchon e Cormac McCarthy e os cineastas Sergio Leone, Sam Peckinpah, Clint Eastwood, Dario Argento, George Romero e Takashi Miike. Uma turma que dá pistas de onde Xerxenesky foi buscar o sangue, o bom humor, o manejo inusitado da cultura pop, o estilo ágil e, claro, os mortos-vivos que marcam seu romance.

O pastiche, porém, é apenas uma das dimensões deste livro de estreia. Herdeiro das artimanhas do cinema, contagiado pelas possibilidades narrativas da metaficção, Areia nos dentes passeia por enquadramentos originalíssimos. Diante da sobreposição de tramas, o corte é rápido, certeiro, e não deixa dúvidas: não há um protagonista eleito, tampouco uma trama predominante.

Como pontos de partida, dois eixos narrativos básicos. Em Mavrak, um vilarejo perdido na fronteira entre o México e os Estados Unidos, duas famílias alimentam uma rivalidade ancestral, num passado não muito remoto — começo do século 20, talvez. Num apartamento da capital mexicana, um aposentado experimenta as angústias típicas de um escritor, ao tentar, nos dias atuais, narrar a história de seus antepassados.

Debaixo destes dois eixos, porém, Areia nos dentes também é a história de um jovem recém-formado que retorna à sua cidade natal e reencontra o amor da adolescência, a la Romeu e Julieta. A de um homem da lei com um passado misterioso, que investiga crimes enquanto se envolve com a dona de um bordel. A de uma família que esconde experimentos misteriosos em seu porão. A de um patriarca que vê no futuro a impossibilidade de propagar a valentia do seu sangue. A de um velho que não consegue se entender nem com seu computador, nem com seu filho — trazendo para o contemporâneo a dificuldade de comunicação entre pais e filhos que permeia todo o romance. E assim tudo se agrega num jogo de espelhos, construído com humor esperto e destreza literária.

Porque Areia nos dentes é, sobretudo, um exercício de estratégias narrativas. O leitor ora invade o diário de um personagem, ora acompanha, concomitantemente, o pensamento de dois caubóis envolvidos numa perseguição a cavalo, em duas colunas que dividem a página. Recursos que provam a raridade deste romance de estreia, no qual a ousadia estilística caminha lado a lado com a ideia de que a literatura pode — e deve — ser uma baita diversão.

Características

Peso 0.16 Kg
Produto sob encomenda Sim
Editora Rocco
I.S.B.N. 9788532525925
Altura 20.50 cm
Largura 13.50 cm
Profundidade 0.80 cm
Número de Páginas 144
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788532525925
Ano da edição 2010
AutorXerxenesky,Antônio

Assista o Trailer