Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 12Artboard 28Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8
e-book

As palavras de Freud (Cód: 9321622)

Souza,Paulo César de

Companhia Das Letras (Edição Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 34,50

em até 1x de R$ 34,50 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


As palavras de Freud

R$34,50

Descrição

De que modo o autor de Totem e tabu criou uma terminologia científica própria para a psicanálise? Discutido esse ponto e outros a ele relacionados - a sintaxe, o uso de metáforas e citações -, segue-se a análise de termos essenciais para uma compreensão do pensamento freudiano. O estudo de ego e id, por exemplo, revela-nos que o português foi a única das línguas neolatinas a adotar essa terminologia, presente na edição Standard inglesa e destoante do original alemão, que utiliza Ich e Es, simples pronomes pessoais. Com a análise de outros casos: Angst, angústia; Trieb, instinto; Verdrängung, repressão etc. , o vocabulário freudiano vai adquirindo uma dimensão até agora insuspeitada em português. O entendimento que com isso se obtém de conceitos basilares da obra de Freud cresce de modo perceptível. Os franceses, que há tempos se deram conta da fragilidade de suas traduções, estão às voltas com um projeto ambicioso de retradução das obras. Mas as Euvres complètes, nos volumes já publicados, cunham neologismos dispensáveis, numa versão artificialmente literal. Ao ser publicado originalmente, em 1998, este livro objetivava preparar o terreno para uma nova tradução de Freud em português, feita diretamente do alemão, tento realizado pela publicação das Obras completas em 20 volumes. Como a coleção é coordenada pelo autor de As palavras de Freud (que traduz a maioria dos volumes), o leitor encontrará neste livro o acompanhamento teórico desse novo Freud, contendo a explicação para as escolhas terminológicas e, principalmente, a orientação ou atitude por trás de todo o projeto da coleção.

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Não
Marca Companhia Das Letras (Edição Digital)
Número de Páginas 304 (aproximado)
Idioma 333
Acabamento e-book
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Epub
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Início da Venda 19/03/2010
Código do Formato Epub
Cód. Barras 9788580861594
Ano da Publicação 110
AutorSouza,Paulo César de