Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
Frete Grátis
  • Google Plus

As Trajetórias e o Trabalho Cooperado e Autogestor - Uma Análise Marxista (Cód: 4078133)

Simão,Vilma Margarete

Edifurb

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 32,00
Cartão Saraiva R$ 30,40 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


As Trajetórias e o Trabalho Cooperado e Autogestor - Uma Análise Marxista

R$32,00

Descrição

Uma grande contribuição desta obra é o fato de incluir o debate sobre a categoria de repartições e excedente, com base na crítica elaborada por Karl Marx - 'Programa de Gotha' - sobre o produto do trabalho, direito e repartição equitativa. No corpo do texto, são destacados alguns elementos concernentes à discussão dos critérios de repartição dos produtos do trabalho a cada produtor em particular, considerando o objeto criado pelo trabalho como produto social e os encargos gerais da administração não respeitantes à produção. Na atual literatura do novo cooperativismo, não foi identificada a utilização de Karl Marx para repensar os critérios de repartições e, consequentemente, superação do direito burguês. A partir das considerações de Karl Marx, a pesquisa que deu origem ao livro apresenta diferenças na prática das repartições do resultado do trabalho dos produtores associados: reprodução da lógica de valoração capitalista da força de trabalho; desigualdade hierárquica e contrapartida.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Edifurb
Cód. Barras 9788571142992
Altura 23.00 cm
I.S.B.N. 9788571142992
Profundidade 2.00 cm
Acabamento Brochura
Ano da edição 2011
Idioma Português
Número de Páginas 239
Peso 0.44 Kg
Largura 16.00 cm
AutorSimão,Vilma Margarete

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: As Trajetórias e o Trabalho Cooperado e Autogestor - Uma Análise Marxista