Frete Grátis
  • Google Plus

Augusto de Campos e A Música de Invenção (Cód: 9183167)

Neves ,Marcus Vinicius Marvila Das

Editora Prismas

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 54,00
Cartão Saraiva R$ 51,30 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 27,00 sem juros

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Augusto de Campos e A Música de Invenção

R$54,00

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Quer-se com Augusto de Campos e a música de invenção: uma escuta entre poemas homenagens estudar a importância da música de vanguarda do século XX na obra de Augusto de Campos. Para tanto, será necessário investigar como ela é apresentada nos textos críticos musicais, reunidos no livro Música de Invenção (1998), e, principalmente, analisar como o poeta se apropria de técnicas composicionais dos inventors para homenageá-los em sua obra poética. Tomaremos por amostragem os poemas que se referem a três dos músicos que aparecem com frequência no que denominamos paideuma sonoro do autor: Arnold Schoenberg (18741951), John Cage (19121992) e Giacinto Scelsi (19051988).
Também se fará uso dos conceitos de testemunha, memória e história provenientes da Literatura de testemunho através dos discursos de Seligmann Silva (2000þ 2003), Felman (2000), Gagnebin (2004) para, por analogia, entender a posição assumida por Augusto de Campos na defesa da música de invenção e alargar a ideia de homenagem.
Paralelamente serão abordados temas relativos à música contemporânea do século XX Caesar (2007), Gubernikoff (2007), Griffiths (1998), Ross (2009), Grout e Palisca (2005), Sadie (1994) e à manutenção do livro enquanto suporte durável Flusser (2010), Carrière e Eco (2010), além de traçarmos um panorama geral dos poemas que se referem aos músicos de recusa nas três antologias do poeta paulista.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Editora Prismas
Cód. Barras 9788568274675
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788568274675
Profundidade 1.80 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2015
Idioma Português
Número de Páginas 220
Peso 0.33 Kg
Largura 14.00 cm
AutorNeves ,Marcus Vinicius Marvila Das

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Augusto de Campos e A Música de Invenção