Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8

Cálcio (Cód: 9341749)

Pádua Fernandes

HEDRA

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 34,90

em até 1x de R$ 34,90 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 33,16 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Cálcio

R$34,90

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Os poemas que compõem Cálcio , segundo livro de Pádua Fernandes, são polifônicos e dramáticos, no sentido em que buscam acolher um conjunto de ecos de gritos de horror, cacos de uma experiência coletiva traumática que ficaram abafados deliberadamente pela concorrência de outras vozes, de mais amplo timbre e que se valem da ampliação do aparelho de propaganda do Estado. São poemas de inflexão civil, que abandonam o investimento na expressão de um sujeito fraturado, tão própria da lírica moderna, em favor de um compromisso público: ecoar nomes e corpos, devolver-lhes o cálcio que lhes estruturara cada passo. Trata-se portanto de um projeto que assume seu lugar de observador da cena trágica, recém-devolvida ao palco da história do país pelos trabalhos da Comissão da Verdade, de que o autor participou, ainda inacabada e cheia de lacunas e zonas de indistinção. Como disse Beckett, 'Os mortos morrem mal'. Os poemas de Cálcio são contra, contra a morte escusa, fria, emparedada, contra essa morte que não é muda, mas prefere não declarar nada, Pádua Fernandes abre suas janelas para fora das jaulas, mordaças e choques e deixa o ar entrar, com a luz que devolve às coisas seu contorno.

Características

Peso 0.13 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora HEDRA
I.S.B.N. 9788577154081
Altura 21.00 cm
Largura 14.00 cm
Profundidade 0.60 cm
Número de Páginas 104
Idioma Português
Cód. Barras 9788577154081
Ano da edição 2015
AutorPádua Fernandes