Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8

Cidade do Homem, a (Cód: 1433225)

Pierre Manent

Instituto Piaget

Este produto está temporariamente indisponível no site, mas não se preocupe, você pode reservá-lo para retirada em uma loja física!

Reserve seu produto na loja para retirada em até 1 hora.
Ops! Este produto está temporariamente indisponível. Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.
Ops! Este produto está temporariamente indisponível. Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 65,90

em até 2x de R$ 32,95 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 62,61 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 2x sem juros de


Cidade do Homem, a

R$65,90

Descrição

Os homens viviam sob uma lei, antes do desenvolvimento da democracia: a dos antepassados ou a de Deus. Reconheciam estar, em princípio, submetidos a qualquer coisa que lhes era exterior e superior. Hoje, a sociedade quer organizarse segundo os direitos do homem. E o homem não deseja encontrar, aí, ninguém, a não ser ele próprio. Qualificamonos de modernos, pensamonos como modernos, ou seja, como diferentes do homem simplesmente homem. Assim, o homem moderno não quer ser mais do que um homem e ser, também, uma coisa diferente de um homem. Uma dualidade ou duplicidade que esta obra trata e analisa. Pierre Manent defende que a consciência e o desejo de ser moderno se devem a uma contradição anterior não resolvida, que a «modernidade» encobre e da qual vive: aquela que existe entre a cidade e a Igreja, entre o paganismo e o cristianismo, entre a natureza e a graça. O homem moderno é aquele que rejeita as virtudes cristãs, em nome das pagãs. Ele é aquele que, re

Características

Peso 0.42 Kg
Produto sob encomenda Sim
Marca Instituto Piaget
I.S.B.N. 9728407092
Altura 0.00 cm
Largura 0.00 cm
Profundidade 0.00 cm
Número de Páginas 288
Acabamento Brochura
Detalhe 1
Cód. Barras 9789728407094
Ano da edição 1997
AutorPierre Manent