Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
e-book

Código penal celeste (Cód: 4078211)

Nilton Bonder

Rocco (Livros Digitais)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

De: R$ 18,00

Por: R$ 13,50

em até 1x de R$ 13,50 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Código penal celeste

R$13,50

Descrição

Diante da morte, para espanto dos seus jovens discípulos, o piedoso rabino Sussya dizia temer o Tribunal Celeste. O motivo não era o fato de não ter deixado um legado tão significativo como o profeta Moisés. Diante desta acusação poderia responder simplesmente: “Não fui Moisés porque não sou Moisés.” Sussya tampouco temia que lhe cobrassem que tivesse sido como Maimônides. Ele não tinha oferecido ao mundo uma obra tão rica e um pensamento tão inovador, mas podia defender-se facilmente argumentando: “Não fui Maimônides porque não sou Maimômides.” O que realmente o apavorava é que viessem lhe indagar: “Sussya, por que não fostes Sussya?”
Através de parábolas como esta, Nilton Bonder compartilha sua sabedoria religiosa e filosófica com os leitores. Neste livro escrito nos moldes de um código penal, dividido em categorias e analisado à luz da erudição do rabino, réu e acusador tornam-se um só indivíduo, uma vez que a Justiça Divina trabalha em nossa própria consciência. Os Céus não julgam o bem e o mal. Somos nós que, juízes de nós mesmos, nos damos uma sentença.

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Sim
Marca Rocco (Livros Digitais)
Número de Páginas 192 (aproximado)
Idioma 333
Acabamento e-book
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Epub
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Início da Venda 23/11/2012
Código do Formato Epub
Cód. Barras 9788581220635
Ano da Publicação 112
AutorNilton Bonder