Frete Grátis
  • Google Plus

Collective Action Theory And Empirical Evidence (Cód: 7217235)

Ronald A. Francisco

SPRINGER VERLAG POD

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 865,80 em até 10x de R$ 86,58 sem juros
Cartão Saraiva R$ 822,51 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 12x de R$ 72,15 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

The volume is divided into six chapters. The introduction covers the theory of collective action in its many manifestations as well as the process of drawing out theoretical implications. The second chapter goes to
the core of the mobilization issues, especially with regard to the role of leadership, which is inextricably linked to mobilization. The third chapter applies the concept of adaptation to the development of more productive
tactics that promote mobilization in support of a public good and minimize the possibility of repression. In chapter four, five spatial hypotheses based on rationality and formal theories are developed and the role of time in
protests is addressed. The fifth chapter focuses on the fundamental problems of terror with evidence from the Basque region of Spain and France from Ireland against the Provisional Irish Revolutionary Army in Northern Ireland.
The final chapter surveys the empirical evidence and summarizes the support of collective action theory.

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca SPRINGER VERLAG POD
Cód. Barras 9781441914750
Altura 23.40 cm
I.S.B.N. 9781441914750
Profundidade 0.95 cm
Referência 9781441914750
Ano da edição 2010
Idioma Inglês
Número de Páginas 132
Peso 0.37 Kg
Largura 156.00 cm
AutorRonald A. Francisco

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Collective Action Theory And Empirical Evidence