Frete Grátis
  • Google Plus

Constituição e Inquisição - o Inquérito Policial e Sua (In)Constitucionalidade do Brasil Pós 1988 (Cód: 9343545)

Walcácer,Enio

Lumen Juris

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 100,00 em até 3x de R$ 33,33 sem juros
Cartão Saraiva R$ 95,00 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 5x de R$ 20,00 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

A Constituição brasileira foi um momento histórico em que se rompeu com o medo e a violência na busca pela liberdade. Representa um marco em que o regime de exceção foi substituído pela consolidação de um projeto em que se incluíram os direitos e garantias fundamentais como eixo central de nosso ordenamento jurídico. Já se passaram mais de um quarto de século deste evento de transformação e ainda persistem no Brasil ecos de um passado que já deveria ter sido deixado apenas nos livros de história, e o Inquérito Policial é um deles. Filho tardio da inquisição, com ferramentas que instrumentalizam o investigado em prol da busca obsessiva de uma verdade, o inquérito hoje no Brasil permanece como uma ilha anômica que teima em enfrentar a força das promessas constitucionais. Neste livro lançamos um olhar no passado para ver como velhos ranços e práticas inquisitórias ainda persistem no Brasil na utilização deste procedimento para a encenação de violências simbólicas na eterna luta dos “homens de bem” contra os indesejados sociais. Muito antes de se teorizar o Brasil já utilizava um direito processual penal do inimigo, praticava a violência como ferramenta para a manutenção do poder dos cínicos e servia de destilaria para o ódio dos ignorantes. Através desta breve jornada histórica serão colhidas algumas pistas que permitam entender como se mantém ainda hoje um sistema de cunho fascista no sistema processual brasileiro, enfrentando a lógica de um ordenamento jurídico que deveria ter como centro os direitos e garantias constitucionais e os tratados internacionais de direitos humanos. Esta obra encontra-se atualizada até a Lei 13.245 de janeiro de 2016, a última e ainda frustrada tentativa de se constitucionalizar as investigações preliminares no Brasil. Esperamos que esta seja uma jornada de desconstrução do senso comum em busca da edificação de um novo modelo para este tão importante instrumento que é o inquérito policial no sistema penal brasileiro.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Lumen Juris
Cód. Barras 9788584405039
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788584405039
Profundidade 2.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2016
Idioma Português
Número de Páginas 389
Peso 0.44 Kg
Largura 14.00 cm
AutorWalcácer,Enio

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Constituição e Inquisição - o Inquérito Policial e Sua (In)Constitucionalidade do Brasil Pós 1988