Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
Frete Grátis
  • Google Plus
Livro Digital

Coração Impúbere (Cód: 9360549)

Milena Ramos

Simplíssimo (Livros Digitais)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 12,90
Cartão Saraiva R$ 12,90

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Coração Impúbere

R$12,90

Descrição

Este é um livro de poesias metafísicas, surreais, ideais e tudo aquilo que a imaginação do leitor desejar sonhar. Reflexivo, tem a pretensão de ser um livro de cabeceira, levando - nos a navegar por"mares nunca dantes navegados". Escrevo desde muito cedo e, adolescente, tive uma fase bastante sombria e gótica; isso fica bem claro nos versos de "Coração de Luto", "Alvorecer" e "Impressões de um inconformado" e no poema que dá nome ao livro. Em "Quando nasce um amor" juntou-se o trágico com o cômico, sobre um amor que nunca viceja. Críticas sociais e rebeldia juvenil podem ser encontrados em "Chega", "Não é urgente" ou "Rap da paz". Também existem os líricos, bastante sensíveis e que desenham formas suaves e deletérias de expressão como em "A rua sofre de solidão", "Por entre as flores" e "Eu quero viver". Há ainda o metalinguístico "Ninguém entende" e, por fim, "Despedida de um Ateu" propositadamente ficou para o desfecho do livro, pois de caráter essencialmente biográfico, fecha um ciclo em minha vida. A partir daí, mais leveza encontra-se em minhas poesias, mas não menos líricas e interessantes. Não existe, em momento algum, a preocupação com a métrica dos versos, porém, a rima é algo que sempre foi bem vinda e utilizada com consciência na lapidação de quase todos os versos. É bom lembrar que jamais publicaria uma linha sequer sem um exaustivo trabalho de revisão e reformulação dos versos, à procura da palavra perfeita. Como diz nosso querido poeta João Cabral, quem escreve com rigor, há de ser um pouco "engenheiro da poesia". Gratidão pela leitura. Se possível, deixem um comentário no meu blog.

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca Simplíssimo (Livros Digitais)
Cód. Barras 9788582451816
Início da Venda 11/12/2015
Gratuito Não
Idioma 333
Código do Formato Epub
Número de Páginas 90 (aproximado)
Ano da Publicação 115
Peso 0.00 Kg
AutorMilena Ramos

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Coração Impúbere