Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
Frete Grátis
  • Google Plus

Crítica Marxista Nº 23 (Cód: 1567793)

Vários Autores

Revan

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 30,00
Cartão Saraiva R$ 28,50 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Crítica Marxista Nº 23

R$30,00

Descrição

No artigo que abre esta nova edição de Crítica Marxista Vittorio Morfino analisa Corrente subterânea do materialismo do encontro, ensaio póstumo e polêmico de Lois Althusser publicado no Brasil por esta revista em seu no. 20. Para Morfino, 'o texto mais relevante na produção althusseriana dos anos oitenta' permitiria a articulação de suas teses centrais: o primado do encontro sobre a forma e o primado da relação sobre os elementos. Trabalhando no campo da teoria política, Álvaro Bianchi, a partir dos escritos de Gramsci sobre o Risorgimento, discute o conceito de 'revolução passiva'. Segundo ele, esta decisiva noção teórica de Gramsci permitiria uma nova compreensão da relação entre Estado e sociedade, política e economia bem como se constituiria em decisiva chave interpretativa para o conhecimento das formas de atualização da dominação capitalista no mundo contemporâneo. O ensaio do filósofo norte-americano Warren Montag empreende uma leitura de Adam Smith constitui uma teoria da humanidade inconsciente da produção universal.

Em A realidade da abstração, o pensador português João Esteves da Silva, questionando a concepção formal da racionalidade, propõe-se a examinar a questão da abstração real em Marx, problemática que se apresenta em radical oposição e ruptura à leitura positivista da ciência.

A seção Comentários apresenta dois textos: um estudo sobre significado filosófico e político da obra de Jean-Paul Satre, em particular de Situações, escrito por Cristina Mendonça; o segundo, de autoria de Eurelino Coelho, questiona alguns aspectos da obra do marxista húngaro István Mészáros, o extenso e volumoso Para além do capital.

Publicamos neste número uma entrevista com o pesquisador francês Olivier Schwartz. Neste texto, Schwartz oferece relevantes pistas para uma reflexão crítica sobre a classe operária no capitalismo contemporâneo.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Revan
Cód. Barras 9788510493215
Altura 23.00 cm
I.S.B.N. 8501049321
Profundidade 0.00 cm
Acabamento Brochura
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 192
Peso 0.44 Kg
Largura 16.00 cm
AutorVários Autores

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Crítica Marxista Nº 23