Frete Grátis
  • Google Plus

Did Somebody Say Totalitarianism? (Cód: 5180200)

Zizek,Slavoj

W. W. Norton

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 98,80 em até 3x de R$ 32,93 sem juros
Cartão Saraiva R$ 93,86 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 4x de R$ 24,70 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

In some circles, a nod towards totalitarianism is enough to dismiss any critique of the status quo. Such is the insidiousness of the neo-liberal ideology, argues Slavoj Žižek. Did Somebody Say Totalitarianism? turns a specious rhetorical strategy on its head to identify a network of family resemblances between totalitarianism and modern liberal democracy. Žižek argues that totalitarianism is invariably defined in terms of four things: the Holocaust as the ultimate, diabolical evil; the Stalinist gulag as the alleged truth of the socialist revolutionary project; ethnic and religious fundamentalisms, which are to be fought through multiculturalist tolerance; and the deconstructionist idea that the ultimate root of totalitarianism is the ontological closure of thought. Žižek concludes that the devil lies not so much in the detail but in what enables the very designation totalitarian: the liberal-democratic consensus itself.

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca W. W. Norton
Cód. Barras 9781844677139
Altura 7.25 cm
I.S.B.N. 9781844677139
Profundidade 1.00 cm
Referência 0003836288
Acabamento Brochura
Ano da edição 2002/11/01
Idioma Inglês
Número de Páginas 288
Peso 0.75 Kg
Largura 5.50 cm
AutorZizek,Slavoj

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Did Somebody Say Totalitarianism?