Frete Grátis
  • Google Plus

Didatica do Ensino e a Avaliação da Aprend em Lingua Estrangeira, a - Vol 03 - Col. Metodologia do e (Cód: 2605391)

Ivete Morosov e Juliana Zeggio Martinez

Ibpex

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 35,00
Cartão Saraiva R$ 33,25 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Descrição

Esta obra oferece uma reflexão acerca de vários temas envolvidos no âmbito do ensino e da avaliação em lingua estrangeira. São discutidos os principais métodos e abordagens no ensino de linguas estrangeiras para adolecentes e adultos, enfatizando-se suas tendencias atuais. São examinadas também questões de avaliação, o porquê e a forma de avaliar. As autoras mostram ainda um completo panorama histórico a respeito dos exames de proficiência em lingua estrangeira e sobre questões específicas de lingua que possuem certificação internacional. Esta obra apresenta, também, uma visão comtemporânea de avaliação, com reflexões sobre o erro e as caracteristicas psicológicas envolvidas neste processo. A intensão é propor ao leitor, professor ou aluno, uma discussão sobre a sala de aula da atualidade

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Ibpex
Cód. Barras 9788599583869
Altura 0.00 cm
I.S.B.N. 9788599583869
Profundidade 0.00 cm
Número de Páginas 194
Peso 0.29 Kg
Largura 0.00 cm
AutorIvete Morosov e Juliana Zeggio Martinez

Leia um trecho

Capítulo I Entendemos que seria muito complicado conseguir reunir tudo o que já foi dito sobre métodos e abordagens no ensino de LE. Até porque não acreditamos que ter um profundo conhecimento sobre os mais diferentes métodos de ensino vai fazer de nós melhores professores de LE. Mas acreditamos que ter acesso a diferentes maneiras de pensar a aula de LE possa, sim, ajudar a compreender uma série de atitudes que tomamos em sala, entender de onde vem nossa concepção do que é ser professor e aluno ou como deve ser uma boa aula de LE. Prestar atenção na teoria é um exercício para nos tornarmos mais autônomos e aprender a fazer nossas escolhas metodológicas dentro de cada local em que lecionamos que, com certeza, tem suas particularidades. Panorama histórico dos principais métodos e abordagens no ensino de línguas estrangeiras 1.1 Introdução Como qualquer pessoa, somos carregados e influenciados por nossas crenças e valores, que fazem com que enxerguemos o mundo de determinada forma. Assim, não podemos ser ingênuos a ponto de acreditar que, quando estamos em nossas salas de aulas, somos neutros ou livres de qualquer preconceito ou julgamento sobre nossos alunos, sobre a escola e, principalmente, sobre o processo de ensinar e aprender. Carregamos nossas crenças para qualquer lugar que vamos e é por isso Ivete Morosov e Juliana Martinezque temos determinadas atitudes em sala de aula, mesmo sem perceber isso de forma consciente. Da mesma maneira é o nosso livro didático ou a abordagem de ensino de determinada escola na qual lecionamos.Como professores, precisamos aprender a fazer a leitura dessas concepções que nos cercam e saber quando estamos reproduzindo algo que queremos realmente reproduzir ou se não estamos nem nos dando conta do que estamos fazendo. Você já se perguntou alguma vez por que ensina a LE do jeito que o faz? Por que desenvolve certas atividades em sala de aula? Por que faz determinadas escolhas? Acreditamos que estudar a teoria do ensino de LE pode nos ajudar a perceber nosso mundo profissional e, então, abrir portas para percebermos quando estamos fazendo realmente nossas escolhas como educadores. Ter conhecimento sobre diferentes métodos e abordagens no ensino de LE pode também nos fazer entender a concepção de ensino e aprendizagem que determinada abordagem traz e, conseqüentemente, qual a expectativa que o método tem do aluno e do professor. É fundamental, em nossa opinião, que nós, professores, saibamos qual a concepção de língua e ensino está por trás de determinado método, para que possamos fazer nossas escolhas, e não simplesmente seguir tal livro didático sem ter conhecimento teórico da concepção de ensino que ali se encontra.Focalizaremos aqui a didática do ensino de LE propriamente dita, sem uma preocupação exagerada quanto a datas e origens de cada um dos métodos e abordagens. A intenção deste capítulo é apresentar diferentes maneiras de pensar a aula de LE, pois entendemos que, em uma sala de aula de LE, diversas abordagens se misturam, dependendo da história de vida do professor, de sua formação, das crenças que ele e seus alunos trazem para a aula, do material adotado, das intenções da coordenação,da escola, entre outros fatores. A realidade da sala de aula não ocorre de maneira tão “perfeita” quanto na teoria, fazendo com que uma mistura de métodos e abordagens se torne necessária, dependendo da realidade do professor. É por isso que acreditamos que o professor deve ter autonomia para escolher o caminhoque prefere seguir.

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Didatica do Ensino e a Avaliação da Aprend em Lingua Estrangeira, a - Vol 03 - Col. Metodologia do e