Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
  • Google Plus

Direitos Que a Cidade Esqueceu (Cód: 3719753)

Nalini, José Renato

RT

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 44,00
Cartão Saraiva R$ 41,80 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 22,00 sem juros

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Direitos Que a Cidade Esqueceu

R$44,00

Descrição

Após a universalização de direitos fundamentais que se multiplicam e são invocados até sua trivialização, chega o momento de verificar se eles são respeitados na cidade. O fenômeno urbano é o mais vistoso da sociedade brasileira nas últimas décadas.Todos moram na cidade e tudo acontece na cidade. É lamentável que o meio urbano seja o locus em que o desrespeito aos direitos humanos é mais frequente e escancarado. O que justifica um discurso edificante, a proclamação retórica de direitos inalienáveis e preexistentes à ordem jurídica positivada e uma prática pífia, inconsistente e em acelerado retrocesso? Refletir sobre os direitos que a cidade esqueceu pode ser um exercício de interesse para todos os que não perderam a sensibilidade ética e sentem que o direito exercitado pode produzir melhores resultados do que os hoje constatáveis.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora RT
Cód. Barras 9788520342220
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788520342220
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2011
Idioma Português
Número de Páginas 198
Peso 0.21 Kg
Largura 14.00 cm
AutorNalini, José Renato

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Direitos Que a Cidade Esqueceu