Frete Grátis
  • Google Plus

Do Futuro e da Morte do Teatro Brasileiro - Revistas Literárias e Culturais do Período Modernista (1922-1942) (Cód: 3426624)

Barros Riego,Christina

HEDRA

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 64,90 em até 2x de R$ 32,45 sem juros
Cartão Saraiva R$ 61,66 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 3x de R$ 21,63 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Do Futuro e da Morte do Teatro Brasileiro: revistas literárias e culturais do período modernista (1922-1942) é o resultado de uma pesquisa extensa, paciente e cuidadosa, feita em várias bibliotecas de São Paulo e Rio de Janeiro, para identificar e agrupar as revistas literárias e culturais que circularam no Brasil entre 1922 e 1942. Os objetivos: 1) localizar nessas revistas os textos teóricos e críticos, bem como peças teatrais e material iconográfico, entrevistas e depoimentos, relacionados ao teatro, a fim de historiar o que de mais importante se passou em nossos palcos e no pensamento dos dramaturgos, artistas e intelectuais que escreveram sobre as realizações, os problemas, as ideias e os caminhos da nossa arte cênica; 2) elaborar um índice classificatório de cada revista consultada, com uma ficha técnica para cada item ligado ao teatro e um resumo da matéria indexada. A relevância e o alcance da pesquisa levada a cabo por Christina Barros Riego são evidentes. Ao que se conhece hoje sobre o teatro brasileiro das duas décadas que se seguiram à eclosão do movimento modernista ela acrescenta novas informações e reflexões nascidas do contato direto com as 'fontes primárias', isto é, com os textos escritos ao sabor dos acontecimentos e que guardam em si um valor documental único. O rigor e a seriedade com que a autora se debruçou sobre esse material são visíveis nas duas partes do livro. Na primeira, ela faz uma excelente análise e interpretação do teatro brasileiro do período em questão, na qual vários temas são discutidos: as tensões entre o 'velho teatro' e as primeiras aspirações à modernidade teatral, a disputa das companhias teatrais com o cinema pelo público, o predomínio da dramaturgia 'ligeira', o sucesso do rádioteatro, a presença do Estado na organização do teatro, o surgimento dos grupos amadores e o prestígio dos grandes astros. Na segunda, impressiona o volume de trabalho realizado para a elaboração do índice classificatório, que seguramente será muito apreciado pelos estudiosos do teatro brasileiro.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora HEDRA
Cód. Barras 9788577151790
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788577151790
Profundidade 2.50 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2010
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 495
Peso 0.44 Kg
Largura 13.50 cm
AutorBarros Riego,Christina

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Do Futuro e da Morte do Teatro Brasileiro - Revistas Literárias e Culturais do Período Modernista (1922-1942)