Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
  • Google Plus
Livro Digital

Dora Dorinha Ou Doralice? (Cód: 9201539)

Maria Dudah Senne

Clube de Autores (Edição Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 15,66
Cartão Saraiva R$ 15,66

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Dora Dorinha Ou Doralice?

R$15,66

Descrição

Sinopse Dora, Dorinha, Doralice. A trajetória de uma heroína. Desde antes de seu nascimento, estava determinado que Dorinha seria uma pessoa incomum. Uma herança genética, carma ou um mistério inexplicável, transformou sua trajetória em uma obra fascinante, misteriosa e cheia de suspense. Digna de estudos profundos da psiquiatria moderna, as três personalidades desta mulher convivem em um mesmo corpo, intercaladas por ausências que ela tenta administrar. Dora é uma mulher vencedora, inteligente, sabe o que quer e luta por seus sonhos. O problema é que Dorinha é o seu oposto. Tudo que Dorinha faz é para o bem de todos. Doralice é um nome impronunciável devido a uma maldição que sua mãe herdou dos seus antepassados. Dorinha está em coma e durante este período, enquanto os médicos lutam para descobrir a causa do seu estado crítico, ela viaja para o fim do mundo. Sentada à beira do Caos, do buraco negro, ela observa fascinada a divisão dos três mundos. E a figura de um ser cujo rosto ela jamais consegue ver, surge de um dos portais da morte e faz uma proposta: Se quiser viver e usufruir de toda a felicidade da vida na terra, deve prometer que fará tudo que EU mandar. Estou apenas cobrando uma dívida e quem deve tem que pagar. Você deve atrair muitas almas para meu domínio. Deve ser uma aliada fiel. Terá que cumprir todas as minhas ordens sem questionar. Em troca você realizará todos os seus sonhos. Será famosa, rica e desejada. Finalmente, vai usufruir de tudo que você sonhou. Ela está à beira do abismo eterno, em frente às portas da morte e mesmo assim, enfrenta o dominador e não aceita compartilhar nada com um ser tão cruel. Teve medo. Daqueles medos de tremer os dentes como quem está com febre. Percebeu que esta dívida não era dela. Que não fez nada para atrair esta coisa maligna e que precisava encontrar forças para lutar contra seu maior algoz: o demônio.Tudo começa quando Adoniz ?pai de Dorinha? a entrega para ser adotada por sua filha mais velha (do primeiro casamento). Assim a menina passou a ser filha da meia irmã e do cunhado, tia dos seus irmãos e neta do próprio pai. Esta decisão de Adoniz foi sofrida porque ele já tinha 12 filhos (dez vivos), e a caçulinha veio ao mundo bem na hora que ele sofreu a maior decepção da sua vida: a separação da segunda esposa. Adoniz não tinha medo de nada. De nada não. Ele tem pavor de alma penada. Dorinha cresceu na cidade grande, ao contrário dos seus irmãos (agora seus sobrinhos). Mas, a menina se recusava a andar e falar. A criança teve catapora, sarampo, coqueluche, papeira, alergia, dores insuportáveis e foi até declarada morta aos seis anos de idade. Sua avó decidiu usar seus poderes de feiticeira (ela era índia) para curar a menina. D. Marta sabia que não possuía autorização para usar a magia. Mas era sua primeira neta, filha do primogênito, ela não permitiria um sofrimento destes para seu filho preferido. Mas esta menina, depois mulher, é dotada de talentos especiais, mesmo assim, passa a vida lutando contra as forças ocultas que interferem no seu caminho causando confusões que não provoca, tentando provar sua inocência em acusações infundadas, defendendo-se de palavras que nunca disse, traições, mentiras e um bloqueio na sua trajetória sentimental e profissional. Quando Dorinha entra na faculdade se depara com a morte pela segunda vez. Um assassino causa pânico na cidade. Todo mês aparece uma estudante morta de forma cruel e a polícia não consegue encontrar pistas do desgraçado. Para se proteger, já que estudava à noite, conversou com as amigas da comunidade onde morava para que fossem juntas para a faculdade e voltarem juntas. Combinaram com o namorado de uma delas que possuía um taxi para que ele fosse busca-las todas as noites. E assim foi. Ao invés de se sentir protegida, Dorinha acabou descobrindo por dedução e lógica que o assassino era o próprio rapaz que todas elas confiavam. O pior é que a namorada dele, sua melhor amiga era cúmplice. A vida da personagem

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca Clube de Autores (Edição Digital)
Cód. Barras 2999990179555
Início da Venda 15/10/2015
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Pdf
Gratuito Não
Tamanho do Arquivo 1075
Proteção Drm Sim
Número da edição 1
Ano da edição 2015
Idioma Português
Número de Páginas 159 (aproximado)
Ano da Publicação 2015
Mês da Publicação OUTUBRO
VOLUME 1
Peso 0.00 Kg
AutorMaria Dudah Senne

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Dora Dorinha Ou Doralice?