Frete Grátis
  • Google Plus

Eu Sou uma Lésbica - Col. Devassa (Cód: 1562245)

Rios,Cassandra

Azougue

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 29,70
Cartão Saraiva R$ 28,22 (-5%) em até 1x no cartão
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Se você tiver menos de 40 anos, provavelmente nunca ouviu falar de Cassandra Rios. Mas ela é simplesmente uma das escritoras que mais vendeu livros no Brasil: cerca de 300 mil por ano, na década de 1970. O que levou uma autora, que atraiu tantos leitores, a se manter na obscuridade?
O teor devasso dos seus livros, é claro.
Publicado como folhetim na revista Status, em 1980, Eu sou uma lésbica é certamente o seu trabalho mais ousado.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Azougue
Cód. Barras 9788588338739
Altura 18.00 cm
I.S.B.N. 8588338734
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2006
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 143
Peso 0.15 Kg
Largura 12.00 cm
AutorRios,Cassandra

Leia um trecho

Trecho do livro Naquele tempo, as mulheres aproveitavam o carnaval para usar suas calças compridas, camisas, gravatas, caracterizando-se de homem para melhor serem identificadas pelas outras mulheres, as "passivas". O carnaval nos clubes marcava momentos grandiosos na vida das lésbicas, que se fantasiavam de Zorro, de caubói, usavam máscaras, cortavam os cabelos rente na nuca, riscavam bigodes com lápis de sobrancelhas e até costeletas. Era a liberdade. O diabo soltava-as pelas ruas e elas invadiam os salões. A orquestra atacava os sambas e marchas, as serpentinas riscavam o ar, confetes atapetavam o chão, e as lésbicas confinavam-se no toalete. E para lá iam, atraídas, as que tinham tendências para eclodir durante os três maravilhosos dias festivos. (...) E o fato se deu. Consegui. Em dado momento, o olhar da que já estava escolhida para rainha caiu sobre mim. Meu olhar grudou nela, segurou seu olhar; hipnotizei-a, com a força do meu pensamento, da minha intenção ou do meu charme e jeito especial atuando sobre ela. (...) Tirou um frasco da bolsa que complementava o traje cancan do Folies Bergère. Apertou-o e o perfume esguichou em meu peito. O lança-perfume voltou para dentro da bolsinha - cheia de enfeites coloridos de pedras tremeluzentes - e ela se aproximou com o seu sorriso cheio daquelas estrelinhas de anúncios de pastas de dentes, lindo sorriso, delicioso, olhar perfurante, narinas arfantes, que mais arfaram quando sua cabeça desceu até o meu peito e ela aspirou o tóxico, fundo, bastante, repetindo a dose do lança-perfume que tornou a tirar da bolsinha, gelando os meus seios. Cambaleei com ela agarrada em mim e ouvi a zoada de gozação das minhas amigas, que estavam prestando atenção a tudo e me desafiavam a prosseguir, empurrando-me com ela para o reservado. Fecharam a porta.

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Eu Sou uma Lésbica - Col. Devassa