Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 12Artboard 28Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8
e-book
  • 1000342865
  • 1000342866

Existe Mulher Honesta? (Cód: 3457004)

Darrigo,Lucila Maiorino

Pulso Editorial (edição digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 27,20

em até 1x de R$ 27,20 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Existe Mulher Honesta?

R$27,20

Descrição

No livro “Existe mulher honesta?” Lucila Maiorino Darrigo lança uma visão psicanalítica sobre o feminino na obra de Nelson Rodrigues. A maneira de Nelson colocar a mulher em suas histórias, sempre o eixo da narrativa, deixa evidente a fascinação do autor pelo sexo oposto. Entretanto, esta admiração sobrevive numa relação intensa, algumas vezes conturbada, outras polêmicas: a todo instante ocorre um choque entre o que é a mulher, e como ela é vista pela sociedade.
Na realidade, Lucila demonstra que Nelson transcende a situação da mulher na sociedade carioca de sua época; ele, não apenas antecipa a liberdade feminina, a luta da mulher contra submissão, mas estabelece o contraponto entre obedecer aos próprios desejos ou aos da sociedade masculina: é a diferença do ser e o que precisa ser.
A narrativa rodrigueana gira em torno da traição, mas a chave deste livro é o fato de que não se trata apenas da traição física homem e mulher, mas é aquela intangível, que se dá na esfera dos sentimentos. A dúvida que Nelson coloca, segundo Lucila, é se a mulher, exemplo de conduta, é verdadeira; se por trás do amor, não há o desejo de morte; se em meio à moral, não habita a hipocrisia; se a aparente pureza não aprisiona a obscenidade; se cada impulso, mesmo que esvaziado, não suscita o sentimento de culpa. Essa nebulosidade, esse desconhecido criado por Nelson na figura da mulher é confrontado, pela autora, com textos de Freud e Lacan; Lucila proporciona um debate entre as idéias das três personalidades sobre a essência da mulher; sobre o momento em que ela deixa de ser menina e decide se trai seus desejos, ou a expectativa do outro.
Ao analisar a obra Dorotéia e contos de A vida como ela é, a autora tira a mulher da visão maniqueísta, da gangorra entre ser vítima ou dominadora, e a coloca numa dimensão mais profunda, no intuito, não somente de responder se “Existe mulher honesta?”, mas de compreender o comportamento e a essência do feminino.



A escrita de Lucila Darrigo contém virtudes especialmente relevantes em se tratando de alguém que tem o trabalho de Lacan como referência: o texto é claro sem ser insípido, denso sem ser impenetrável, incisivo sem ser dogmático. Sem justificar a polêmica noção de “escrita feminina” acompanhamos neste livro a prática de um estilo que não se explicita em um metadiscurso. É um estilo algo “cubista” de narrativa, pois sobrepõe perspectivas ao longo dos capítulos sem que elas pareçam, ao final, desarticuladas. Escrita provocativa, ambígua e irônica. Não levanta teses e nem as demonstra para agradar o paladar universitário, mas as explicita sob forma de perguntas retóricas, deixando sempre a dúvida para o leitor: é isso que ela pensa mesmo? Estou diante de uma autora “honesta”?

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Não
Marca Pulso Editorial (edição digital)
Número de Páginas 160 (aproximado)
Idioma Português
Acabamento e-book
Territorialidade Brasil
Formato Livro Digital Pdf
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Tamanho do Arquivo 682
Início da Venda 09/05/2011
Cód. Barras 9999034570041
Número da edição 1
Ano da edição 2007
Ano da Publicação 2007
Mês da Publicação DEZEMBRO
AutorDarrigo,Lucila Maiorino