Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 42 Artboard 21 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 42 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 23 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 6 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 43 Artboard 44 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 46 Artboard 8

Identidade e Cultura Dos Povos do Campo No Brasil (Cód: 9361444)

Carvalho, Raquel Alves De

Appris

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 47,00

em até 1x de R$ 47,00 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 44,65 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Identidade e Cultura Dos Povos do Campo No Brasil

R$47,00

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

A obra de Raquel Alves de Carvalho traz ao leitor uma reflexão acerca da construção da identidade e da cultura camponesa no Brasil a partir de imagens e discursos veiculados ao final do século XIX até meados do século XX – período em que o Brasil era pensado de forma dividida, entre sertão e litoral, sendo que o sertão e seu povo deveriam ser incorporados ao litoral para se tornarem modernos e progressistas.
Para compreender como o processo de desqualificação vai ocorrendo, a autora analisa os discursos professados por alguns dos mais consagrados escritores nacionais dessa época, como Monteiro Lobato, Olavo Bilac e, em especial, Euclides da Cunha. Em um segundo momento, busca reconhecer nos discursos atuais os enunciados de tais escritores do sertão e, para tanto, analisa a presença ou ausência do sertão/campo e dos sertanejos/povos do campo nos livros didáticos, questionando qual a concepção sobre esse tema presente atualmente na escola.
Este livro oferece elementos para reflexão sobre o papel desempenhado pela educação na perpetuação de preconceitos ou na tentativa de modificações e enfatiza que educar para a diversidade não significa apenas reconhecer o outro como diferente, mas refletir sobre as relações e a garantia dos direitos de todos, bem como a valorização das singularidades. A escola é o espaço sociocultural em que as diferentes identidades se encontram e se constituem, caracterizando-se, portanto, como um dos espaços mais importantes para se educar com vias ao respeito às diferenças, sobretudo não as transformando em desigualdades. Tanto o público das áreas das ciências humanas e sociais, os profissionais da educação, os povos do campo como quem nutre interesse por essa temática têm aqui uma excelente oportunidade de conhecer esse processo de construção da identidade e cultura camponesa e suas implicações atuais.

Características

Peso 0.22 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora Appris
I.S.B.N. 9788547301132
Altura 21.00 cm
Largura 14.00 cm
Profundidade 2.00 cm
Número de Páginas 206
Idioma Português
Acabamento Capa dura
Cód. Barras 9788547301132
Número da edição 1
Ano da edição 2016
País de Origem Brasil
AutorCarvalho, Raquel Alves De