Frete Grátis
  • Google Plus
Livro Digital

Lei de Drogas (Cód: 9017954)

PAULO SÉRGIO RANGEL DO NASCIMENTO; CARLOS ROBERTO B

Atlas (Livros Digitais)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 70,00 R$ 66,50 (-5%) em até 2x de R$ 33,25 sem juros
Cartão Saraiva R$ 63,18 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 3x de R$ 22,17 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Há pessoas que usam drogas mas não praticam crimes, mas outras escondem-se naquelas para cometer atos atrozes. O que há de real é o prejuízo à saúde, um enorme conflito social e uma competição clandestina e insana pelo seu domínio de mercado que tem sido responsável pelo maior índice de homicídios dolosos. Mas culpar a ingestão da droga por todos os males é retirar indevidamente a responsabilidade individual (o traficante que mata, muitas vezes, não é dependente da droga) e desviar o foco do mal do estigma.

Outra assertiva sobre o tema define que a Lei aumentou penas para os crimes equiparados ao tráfico, mas diminuiu as consequências penais para os usuários de drogas. Nada disso, por si só, tem o condão de solucionar a violência em torno das drogas. Contudo, existem incoerências graves, como, por exemplo, quando o legislador tentou regulamentar a inimputabilidade no campo das drogas, o que trouxe grande injustiça, conforme se verá. De uma maneira geral, a Lei foi mais afinada com uma política contemporânea de trato com as pessoas que lidam com drogas. Mas o quanto tal política internacional é boa para a nossa realidade latino-americana?

Mas até que ponto a pessoa é escrava da droga e até que ponto a droga determina um comportamento específico (por exemplo, a prática do roubo), o que a doutrina determinou de determinismo ou paradigma etiológico? O uso indiscriminado do crack está destruindo vidas e a internação compulsória tem sido utilizada como opção para salvar vidas. Essas e outras questões também são comentadas e analisadas pelos autores, que esclarecem os efeitos específicos das drogas com base em legislação atualizada, pertinente, e em jurisprudência dos tribunais superiores e dos estados.

A lista de substâncias consideradas drogas e que estão sujeitas a controle especial está enunciada pela Portaria 344, de 12 de maio de 1998, e o leitor tem o seu texto na íntegra no Anexo 1.

Obra destinada ao público acadêmico e ao profissional e operadores do Direito da área jurídica criminal, como membros do Ministério Público, Judiciário e advogados. Leitura complementar para as disciplinas Legislação Penal Especial e Direito Processual do curso de graduação em Direito.

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca Atlas (Livros Digitais)
Cód. Barras 9788597000801
Início da Venda 12/08/2015
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Pdf
Gratuito Não
Tamanho do Arquivo 2760
Proteção Drm Sim
Número da edição 3
Ano da edição 2014
Idioma Português
Número de Páginas 329 (aproximado)
Ano da Publicação 2015
Mês da Publicação JULHO
Peso 0.00 Kg
AutorPAULO SÉRGIO RANGEL DO NASCIMENTO; CARLOS ROBERTO B

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Lei de Drogas

Lei de Drogas (Cód: 9017954) Lei de Drogas (Cód: 9017954)
R$ 66,50
Lei de Drogas (Cód: 9017954) Lei de Drogas (Cód: 9017954)
R$ 66,50