Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 42 Artboard 21 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 42 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 23 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 6 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 43 Artboard 44 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 46 Artboard 8

Libertinagem - 2ª Ed. 2013 - Nova Ortografia (Cód: 5014614)

Bandeira,Manuel

GLOBAL

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

De: R$ 39,00

Por: R$ 31,90

em até 1x de R$ 31,90 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 30,31 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Libertinagem - 2ª Ed. 2013 - Nova Ortografia

R$31,90

Descrição

Alguns poemas deste livro foram anteriormente publicados em revistas do movimento modernista de 1922 como Estética, Klaxon e Revista do Brasil. Com efeito, em Libertinagem é possível captar a sedimentação do papel central exercido por Manuel Bandeira nesse movimento que tanta importância teve em nossa literatura. A liberdade formal é sem dúvida uma das grandes marcas deste livro, embaladas pelos temas mais simples que remetem à pureza da infância e às vezes a uma fina ironia ou humor irreverente. Também um tom de “brasilidade” ecoa em poemas como “Mangue”,“Belém do Pará” e “Evocação do Recife”, traço característico das mais importantes manifestações literárias dos anos 1920. Poemas como “Vou-me embora pra Pasárgada” e “Pneumotórax”, por sua vez, se enraizaram profundamente na alma de gerações de leitores ao longo das últimas décadas e firmaram o nome de Manuel Bandeira entre nossos maiores artistas da palavra.

Características

Peso 0.19 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora GLOBAL
I.S.B.N. 9788526018891
Altura 23.50 cm
Largura 13.50 cm
Profundidade 1.00 cm
Número de Páginas 122
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788526018891
Número da edição 2
Ano da edição 2013
AutorBandeira,Manuel