Frete Grátis
  • Google Plus

Maysa - Só Numa Multidão de Amores (Cód: 1854244)

Neto, Lira

Globo Editora

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 32,00
Cartão Saraiva R$ 30,40 (-5%) em até 1x no cartão
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

“Deusa das canções de dor-de-cotovelo”, “rainha da música de fossa”, “Edith Piaf dos trópicos”, a cantora e compositora Maysa foi uma personalidade muito mais complexa do que sugere sua imagem pública. Intérprete de clássicos da música brasileira como “Ouça” e “Meu mundo caiu”, a artista nascida no Rio de Janeiro em 1936 é tema dessa biografia escrita pelo jornalista Lira Neto a partir de pesquisas em arquivos familiares, de entrevistas com cerca de 200 pessoas (parentes, amigos, ex-namorados, ex-maridos, músicos, produtores) e, sobretudo, com base no acesso irrestrito ao diário íntimo de Maça. O resultado é um retrato cheio de nuances de uma cantora que não apenas se tornou um ícone da vida boêmia, mas foi ela mesma uma cronista da vida noturna, escrevendo as letras de muitas de suas canções – num trânsito incessante entre as figuras da musa e da poeta.
'Maysa – Só Numa Multidão de Amores' percorre minuciosamente todas as etapas (e traumas) de uma trajetória marcada por amores, viagens, conflitos com a mídia, tentativas de suicídio, crises de alcoolismo e internações em clínicas para desintoxicação. Do convívio com o pai notívago e hedonista ao casamento com o magnata André Matarazzo (que impunha à esposa o recato das tradições familiares), da identificação visceral com a música romântica à assimilação das novidades estéticas trazidas pela Bossa Nova, Lira Neto compõe uma narrativa em que a fidelidade aos fatos e o exaustivo trabalho de prospecção permitem detalhar também o contexto sociocultural em que Maysa se tornou uma personagem tão célebre quanto a atriz Cacilda Becker, a pianista Guiomar Novaes, a tenista Maria Esther Bueno ou a escritora Rachel de Queiroz – todas elas protagonistas de uma sociedade em que a mulher tinha papel coadjuvante.
O livro traz algumas importantes revelações, como a de que a primeira gravação de “O barquinho” – canção de Ronaldo Bôscoli e Roberto Menescal que se tornou emblema da Bossa Nova – foi obra de Maysa, e não de Pery Ribeiro (conforme a versão corrente). Além disso, mostra como aspectos sombrios de sua personalidade eram vividos com intensidade e autoconsciência – como na passagem do diário em que a autora faz a seguinte anotação: “Há gritos incríveis dentro de mim, que me povoam da mais imensa solidão”.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Globo Editora
Cód. Barras 9788525043030
Altura 23.00 cm
I.S.B.N. 9788525043030
Profundidade 0.00 cm
Número da edição 1
Ano da edição 2007
Idioma Português
País de Origem Brasil
Peso 0.44 Kg
Largura 16.00 cm
AutorNeto, Lira

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Maysa - Só Numa Multidão de Amores