Frete Grátis
  • Google Plus

Militares e Militância - Uma Relação Dialeticamente Conflituosa (Cód: 7931970)

Cunha,Paulo Ribeiro da

Unesp

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 48,00
Cartão Saraiva R$ 45,60 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 24,00 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva
Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 18:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

Formas de envio Custo Entrega estimada
X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

É realmente bom para a democracia que os militares fiquem longe da política? Ou seria melhor reconhecer que as forças políticas estão tão presentes nos meios militares quanto nos demais setores da sociedade? Nesta obra, Paulo Ribeiro da Cunha assume uma posição polêmica ao defender que se reconheça e legitime a presença histórica da esquerda nas Forças Armadas Brasileiras. Ele analisa o longo período de militância dos militares de esquerda no país, dividindo-o entre a fase da “insurreição” – do fim do século 19, com os “republicanos radicais”, até 1945 – e a fase de intervenção dos militares nas grandes causas nacionais, que se estende até 1964. No percurso, o autor revela aspectos ainda hoje pouco explorados acerca do assunto, ao investigar, por exemplo, a influência marxista nas fileiras do Exército, por meio da análise de periódicos quase desconhecidos, a presença do espírito revolucionário na insuspeita Marinha dos anos 1920 e a história do Antimil, a quase invisível organização comunista voltada para a militância no interior das Forças Armadas. O estudo, enfim, procura demonstrar a presença da esquerda num meio em que vicejariam somente posições políticas direitistas, como sugere a truculência ainda viva na memória do país da ditadura militar (1964-1985). “Ao fazer a ponte entre momentos históricos do ponto de vista de setores armados não hegemônicos, mas decisivos para a definição dos rumos assumidos por graves crises políticas, o autor oferece ao leitor material para refletir estrategicamente sobre a presença dos militares na cena política contemporânea”, escreve Renato Luís do Couto Neto e Lemos.

Características

Editora Unesp
Cód. Barras 9788539305087
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788539305087
Profundidade 1.05 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2014
Idioma Português
Número de Páginas 295
Peso 0.35 Kg
Largura 14.00 cm
AutorCunha,Paulo Ribeiro da

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Militares e Militância - Uma Relação Dialeticamente Conflituosa

Militares e Militância - Uma Relação Dialeticamente Conflituosa (Cód: 7931970) Militares e Militância - Uma Relação Dialeticam... (Cód: 7931970)
R$ 48,00
Militares e Militância - Uma Relação Dialeticamente Conflituosa (Cód: 7931970) Militares e Militância - Uma Relação Dialeticam... (Cód: 7931970)
R$ 48,00