Frete Grátis
  • Google Plus

Norma Bengell (Cód: 8216635)

Bengell,Norma

NVersos

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 59,90 R$ 35,60 (-41%)
Cartão Saraiva R$ 33,82 (-5%) em até 1x no cartão
Grátis

Cartão Saraiva
Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 18:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

Formas de envio Custo Entrega estimada
X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Nesta obra póstuma, “Norma Bengell” mostra sua personalidade destemida ao revelar, sem pudores, detalhes íntimos de sua vida, dos bastidores do cinema, do teatro e do poder, cumprindo, finalmente, um grande lema que permeou toda sua trajetória: “o que eu quero é não morrer muda”.
Carioca de Copacabana, nascida em 1935, Norma Bengell começou sua carreira artística como manequim na Casa Canadá, até que seu charme e carisma a levaram aos palcos do Teatro de Revista. Num espetáculo, quando ainda dançava nas últimas fileiras, foi assistida por Carmen Miranda, que prenunciou: “Menina, desta turma toda, você é quem vai ser uma grande estrela”.
A profecia rapidamente se cumpriu. Norma Bengell estreou no cinema ao lado do grande Oscarito, em O Homem do Sputnik. Das chanchadas da Atlântida Cinematográfica, Norma passou para as telas do Cinema Novo, onde escandalizou ao aparecer nua em Os Cafajestes, e pegou sua primeira passagem para Cannes, com o elenco de O Pagador de Promessas.
Da França, Norma voou direto para Itália, onde atuou com o renomado diretor Alberto Lattuada, manteve um tórrido affair com o ator Alain Delon e encenou mais de uma dezena de filmes.
De volta ao Brasil, ela teve um papel de destaque na bossa nova e nas manifestações de 1968. Lutando contra a ditadura, acabou no exílio, em Paris.
Na França, encenou Marivaux, marcou presença no Théâtre National Populaire e foi condecorada pelo então presidente François Mitterrand. Mas Norma gostava mesmo era do Brasil. De volta ao país de origem, deixou para trás o papel de sex symbol e, nos anos 1980, reivindicou o posto de diretora de cinema também para mulheres ao lançar seu primeiro longa, Eternamente Pagu.
Nos anos 1990, tomou a dianteira no processo de retomada do cinema brasileiro, que agonizava, ao bater na porta do gabinete dos presidentes Fernando Collor e Itamar Franco para brigar por financiamentos e pela aprovação da Lei Rouanet.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora NVersos
Cód. Barras 9788564013681
Altura 23.00 cm
I.S.B.N. 9788564013681
Profundidade 2.30 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2014
Idioma Português
Número de Páginas 366
Peso 0.37 Kg
Largura 16.00 cm
AutorBengell,Norma

Avaliações

Avaliação geral: 5

Você está revisando: Norma Bengell

luiz fernando recomendou este produto.
25/04/2015

esse livro é indispensável para a memória do cinema brasileiro

muito bem formatado, um grande acervo de fotos, vale a pena entender melhor a trajetória desta grande atriz.
Esse livro é indispensável para o resgate da memória do cinema brasileiro.
Esse comentário foi útil para você? Sim (0) / Não (0)
Norma Bengell (Cód: 8216635) Norma Bengell (Cód: 8216635)
R$ 35,60
Norma Bengell (Cód: 8216635) Norma Bengell (Cód: 8216635)
R$ 35,60