Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 12Artboard 28Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8
e-book

O Atirador De Facas (Cód: 9360485)

M. A. Kowa

Simplíssimo (Edição Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 14,90

em até 1x de R$ 14,90 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


O Atirador De Facas

R$14,90

Descrição

Imagine acordar em uma estranha prisão, desorientado e sem memória. Aos poucos, indícios o levam a questionar sua condição física e a acreditar que está em um hospital. Porém, acontecimentos inexplicáveis o convencem de que, para seu horror, você poderia ter enlouquecido ou pior... estar morto.Mas não há respostas. Suas crenças mais arraigadas vão se desfazendo uma a uma...Esta vibrante narrativa sobre os diferentes estados da consciência, pincelada com ricas referências literárias e artísticas convida o leitor, juntamente com insólitos personagens, a experimentar uma aventura envolvente e desafiadora, até a descoberta da mais perturbadora e surpreendente verdade...'Não consigo parar de escrever. Tento me concentrar nessas folhas a serem preenchidas e não levantar a cabeça. Não quero ver estas paredes, a cor cinza me aborrece em sua indefinição abobada. Uma quase não cor, omissa, inexpressiva, como se tivesse sido vomitada do disco de Newton por não ser nem quente nem fria.Como a neutralidade pode ser repulsiva e insidiosa. Com que facilidade os que não possuem opiniões podem lavar as mãos!Se eu não escrever vou virar cinza.''Meu feto pós-maturo apodrece em meu ventre exigente, que o aperfeiçoa para nunca mais. Reconheço esse melancólico traço quixotesco que pinta quimeras estagnadas à guisa de autorretratos heroicos. Devo padecer do meu próprio mal autoimune, tornar-me toxina. Inspiro o gás carbônico aspirado. Mas acredito que se trata do ar puro das montanhas que cura os tuberculosos. Eu minto!''Senti os pés gelados pela indiferença, por estar novamente muito ciente de que eu era aquele cão de Goya, semihundido no mar violento e marrom. Meu olhar devia ser aquele, o olhar do animal que vai morrer muito em breve, o último instante que precede o fim inevitável. A linha diagonal também me mareava e espalmei as mãos no chão para recuperar o equilíbrio, como se a massa de água estivesse vindo e eu tentasse inutilmente me salvar.'

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Não
Marca Simplíssimo (Edição Digital)
Número de Páginas 100 (aproximado)
Idioma 333
Acabamento e-book
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Epub
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Início da Venda 14/12/2015
Código do Formato Epub
Cód. Barras 9788582450857
Ano da Publicação 115
AutorM. A. Kowa