Frete Grátis
  • Google Plus

O Dono do Mar (Cód: 7397118)

Sarney,José

Casa Da Palavra

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 49,90
Cartão Saraiva R$ 47,41 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 24,95 sem juros

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


O Dono do Mar

R$49,90

Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X
Formas de envio Custo Entrega estimada

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 15:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Li “O Dono do Mar” e gostei muito. Não imaginava José Sarney um romancista poderoso. E é. Entra no livro nadando de braçadas, dono das águas, dos ares e dos mares do Maranhão. Dá voz e alma aos pescadores das ilhas e das praias de São Luís com sabedoria e volúpia exemplares. Sarney é o intérprete de uma das matrizes básicas da cultura brasileira, a dos pescadores. Equivalente ao que Zé Lins é para o povo dos engenhos e Jorge Amado, para o gentio dos cacauais. O romance me deu uma leitura gostosa, dessas em que a gente se esquece até que está lendo, para se abrir inteiro e deixar-se penetrar por ela. Para leitoras, o gozo há de ser maior. Impressionou-me também, vivamente, a sabedoria que José Sarney consolidou convivendo com os pescadores de sua terra. Lá está o falar deles, marcado de arcaísmo porque, por suas bocas, falam velhos pescadores lusitanos, mas também a oralidade que vem dos negros e índios que com eles se misturaram nesses cinco séculos. Sou, agora, amigo íntimo de Cristório e seus dois amores: la Mer e Quertide, de suas duas mulheres e da filharada. Gosto muito também das encarnações de seus mortos-vivos. Querente, Aquimundo, Quertide dos piocos e até da puta de Iguaíba e do come-cu Zé do Casco. O melhor mesmo do romance, a meu juízo, são os mergulhos barrocos que dá José Sarney, com esses personagens todos, no Real Maravilhoso. Ninguém, na literatura brasileira, tão cheia de belas fantasmagorias, alcançou tais alturas no Reino do Realismo Mágico. Parabéns. Estou perplexo.

Darcy Ribeiro

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Casa Da Palavra
Cód. Barras 9788580449938
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788580449938
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2014
Idioma Português
Número de Páginas 288
Peso 0.37 Kg
Largura 14.00 cm
AutorSarney,José

Avaliações

Avaliação geral: 1

Você está revisando: O Dono do Mar

Feitosa recomendou este produto.
04/05/2014

Péssimo livro!

Comprei este livro e estou muito insatisfeito. Pense num autor fraco!
Esse comentário foi útil para você? Sim (0) / Não (0)