Frete Grátis
  • Google Plus

O Niilismo Social (Cód: 3003447)

Monteiro,Fabrício Pinto

Annablume

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 25,00
Cartão Saraiva R$ 23,75 (-5%) em até 1x no cartão
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

A temática do niilismo certamente não é de fácil abordagem. De caráter esquivo, ambíguo e de pouca clareza, o niilismo parece não aceitar definições e usos precisos, fixos e seguros. O autor discute o niilismo em seus aspectos sócio-históricos no momento de seu surgimento e de seu uso político na Europa da segunda metade do século XIX. O questionamento principal diz respeito às formas - em termos de imaginário - com as quais os sujeitos sociais lidaram com propostas ativas de rompimento com valores, instituições e sentidos pré-existentes em suas sociedades. O presente livro é dividido em dois capítulos. Apresenta em seu início, o niilismo na Rússia da segunda metade do século XIX e discute o desenvolvimento do mesmo no imaginário daquela sociedade juntamente a ações de jovens estudantes socialistas, que atuavam nas grandes cidades do país, como São Petersburgo, Moscou e Novgorod em tentativas de organizar a população camponesa e operária para a ação revolucionária contra o Estado czarista. No segundo capítulo, o foco de análise desloca-se socialmente para a discussão do niilismo entre os anarquistas terroristas da Europa Ocidental.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Annablume
Cód. Barras 9788539100804
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788539100804
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2010
Idioma Português
Número de Páginas 104
Peso 0.44 Kg
Largura 14.00 cm
AutorMonteiro,Fabrício Pinto

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: O Niilismo Social