Artboard 33Artboard 16Artboard 18Artboard 13Artboard 42Artboard 21Artboard 4Artboard 5Artboard 45Artboard 22Artboard 7Artboard 42Artboard 23Artboard 12Artboard 28Artboard 17?Artboard 28Artboard 43Artboard 49Artboard 47Artboard 15Artboard 32Artboard 6Artboard 22Artboard 5Artboard 25Artboard 1Artboard 42Artboard 11Artboard 41Artboard 11Artboard 23Artboard 10Artboard 4Artboard 9Artboard 6Artboard 8Artboard 7Artboard 3Artboard 12Artboard 25Artboard 34Artboard 43Artboard 44Artboard 16Artboard 24Artboard 13Artboard 5Artboard 24Artboard 31Artboard 1Artboard 12Artboard 27Artboard 30Artboard 36Artboard 44Artboard 9Artboard 17Artboard 6Artboard 27Artboard 30Artboard 29Artboard 26Artboard 2Artboard 20Artboard 35Artboard 15Artboard 14Artboard 50Artboard 26Artboard 14Artboard 40Artboard 21Artboard 10Artboard 37Artboard 46Artboard 33Artboard 8
e-book

O pintor de calçadas (Cód: 3531198)

Frota,Marcos

Baraúna (Edição Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 14,45

em até 1x de R$ 14,45 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


O pintor de calçadas

R$14,45

Descrição

Ricardo Reis era apenas menino, e vivia sozinho no mundo. Uma noite, quando exibia seu talento de pintor, riscando o calçadão da praia com pedaços de carvão e giz, ele foi agredido, seviciado e largado nas areias. Recuperado do grosso dos efeitos do sofrimento, ele foi ajudar numa movelaria, onde aprendeu muito. E do que aprendeu tirou proveito para enfrentar os perigos da vida, para entender a insegurança, a fragilidade da justiça, enfim, para interpretar a realidade social, justificar seus feitos e o que desejava fazer - dar razão a si mesmo. Com o tempo, fortaleceu seu corpo, mas, no espírito, a presença do medo roubava a serenidade. O sonho... Ele deve agir, enquanto a dor está represada. Senão, com um pouco mais de tempo, o tempo embotará sua memória, minará suas forças, enfraquecerá sua vontade e, sem demora, ele se confundirá com o próprio flagelo, e pensará que a vida jamais tinha sido de outro jeito. E, mais tarde, também não terá forças para carregar seu próprio corpo, e viverá (pobre coitado!) somente para arrastá-lo pelas ruas, envergado, envergonhado-o fardo moral não se avalia no quilo. É pesado demais. Até que numa tarde de dúvidas e de lutas, ele pegou um martelo de cabeça grande, cabo firme e bem acunhado, e de madrugada meteu as unhas desse martelo na cabeça de seu desafeto. Foi como começou sua escalada de crime... uma coisa alimentando outra. Foi preciso um livro para descrever o que ele fez. E não se disse tudo. Vai ser preciso outro, já em andamento: O último golpe de Ricardo Reis e as Notícias da República de Pitimbu.

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Não
Marca Baraúna (Edição Digital)
Número de Páginas 189 (aproximado)
Idioma Português
Acabamento e-book
Territorialidade Brasil
Formato Livro Digital Pdf
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Tamanho do Arquivo 753
Início da Venda 08/06/2011
VOLUME 01
Cód. Barras 9999035311988
Número da edição 1
Ano da edição 2010
Ano da Publicação 2010
Mês da Publicação JULHO
AutorFrota,Marcos