Frete Grátis
  • Google Plus

O que nos Faz Humanos (Cód: 156261)

Ridley,Matt

Record

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 62,90 em até 2x de R$ 31,45 sem juros
Cartão Saraiva R$ 56,61 (-10%) em até 1x no cartão ou em até 3x de R$ 20,97 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

'O Que nos Faz Humanos' oferece uma mistura perfeita de história, genética e sociologia em que os aspectos técnicos da genética e da neurociência são brilhantemente apresentados de forma fácil e divertida, ao longo de seus dez capítulos, por meio das idéias de 12 pioneiros do estudo do comportamento humano no século XX: Darwin, Galton, William James, De Vries, Pavlov, Watson, Kraepelin, Freud, Durkheim, Boas, Piaget e Lorenz. Ridley, cientista e divulgador da ciência, narra uma revolução em nossa compreensão dos genes. Relata a guerra entre os partidários da natureza e da criação para explicar como esta criatura paradoxal, o ser humano, pode ao mesmo tempo ter livre-arbítrio e ser motivada pelo instinto e pela cultura.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Record
Cód. Barras 9788501067937
Altura 22.80 cm
I.S.B.N. 8501067938
Profundidade 2.20 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2004
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 399
Peso 0.62 Kg
Largura 15.80 cm
AutorRidley,Matt

Avaliações

Avaliação geral: 5

Você está revisando: O que nos Faz Humanos

ricardo recomendou este produto.
04/11/2013

Excelente obra!

Livro fundamental para um estudo sério da personalidade, mostrando a importância de reconhecermos a irrefutável e diria até mesmo óbvia participação da genética na constituição da personalidade, embora os posicionamentos marxistas radiciais teimem em afirmar o contrário totalmente na contramão da ciência. O livro de Ridley NÃO nega as influências sociais, mas mostra o lógico: não se pode negar a genética como parte da formação da personalidade.
Esse comentário foi útil para você? Sim (2) / Não (2)