Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Para que as Árvores Não Tombem de Pé (Cód: 2606745)

Martirani,Maria Célia

Travessa dos Editores

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 20,00
Cartão Saraiva R$ 19,00 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Para que as Árvores Não Tombem de Pé

R$20,00

Descrição

'Para Que As Árvores não Tombem de Pé' é fina arte de narrar poemas e poetizar narrativas. É o fabulesco a serviço de uma exaltação do dizer em suas amplas potencialidades, muitas das quais negadas pelas experiências ficcionais que nos tem chegado nesses dias confusos. A arte de Maria Célia Martirani propõe uma suspensão do tempo na (e da) linguagem, crente no fluxo de um tempo de delicadeza na expressão e no que ela refere. Uma delicadeza de criação poética em que ação e feitura textual alcançam uma idealizada interrupção daquilo que, no fazer e desfazer do tempo, corrói a matéria prima fina: vida. Em seus contos suspende-se o primado do dizer breve, do pensar miúdo, do viver reduzido ao mero sobreviver. Atinge-se uma escrita que se pretende ampla no que lê da condição humana, numa época de cinismo desencantado e saídas literárias pela tangente da banalidade travestida de pessimismo. Pode ser, por essa medida, que quase nada em Maria Célia seja atual. Eis porque tudo em sua escrita, essencial e imbuída de senso ético, almeje o atemporal, indo na difícil contra-mão do trivial contemporâneo, marginal na esperança que acalenta de uma face humana para a literatura.

Características

Peso 0.44 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora Travessa dos Editores
I.S.B.N. 9788589485753
Altura 21.00 cm
Largura 14.00 cm
Profundidade 1.00 cm
Número de Páginas 306
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788589485753
Número da edição 1
Ano da edição 2008
País de Origem Brasil
AutorMartirani,Maria Célia