Frete Grátis
  • Google Plus

Pátria e Comércio - Negociantes Portugueses no Rio de Janeiro Joanino (Cód: 2612376)

Lustosa, Isabel; Piñeiro,Théo Lobarinhas

Ouro Sobre Azul

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 150,00 R$ 29,90 (-80%)
Cartão Saraiva R$ 28,41 (-5%) em até 1x no cartão
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Personagem obrigatório na paisagem das grandes cidades brasileiras, o comerciante português é o tipo urbano mais antigo de nossa História. Está aqui desde os primeiros anos da colonização e chegou a nós com as características de seus antepassados: a preferência pelo comércio como profissão; a dedicação quase que exclusiva ao trabalho; o sentido de economia; a união da família em torno do negócio, associando filhos, genros, irmãos e sobrinhos e, como síntese disto tudo: a trajetória ascensional que leva o caixeiro a se tornar grande comerciante.
Este livro reflete sobre o impacto que teve a transferência da Corte portuguesa para o Brasil, em 1808, no comércio do Rio de Janeiro e de Lisbo, destacando as transformações sofridas pelos negociantes sediados no Rio de Janeiro.
Para compreender esse processo seus autores, Isabel Lustosa e Théo Lobarinhas Piñeiro buscaram no passado remoto dos portugueses a vocação para o comércio, desde os tempos do rei D. Manuel, o venturoso - patrocinador da viagem de Cabral ao Brasil e também conhecido como o 'Rei merceeiro' - acompanhando as mudanças ocorridas nesse segmento até a abdicação de D. Pedro I, quando dá-se a ruptura entre os comerciantes do Brasil e os de Lisboa. Desfecho que também marca a transformação dos que aqui ficaram em fazendeiros e políticos, abandonando a tradição ancestral do comércio.
Ao contar essa história, os autores nos proporcionaram uma verdadeira viagem ao passado de um Rio de Janeiro colonial que se viu súbitamente mudado, graças ao impacto da chegada e do estabelecimento de portugueses e estrangeiros, e também por causa da transformação do antigo porto colonial em sede da monarquia portuguesa.
A narrativa nos põe inicialmente em contato com as circunstâncias que implicaram na partida da Corte Portuguesa para o Brasil; com os costumes coloniais; com aspectos da cidade do Rio de Janeiro; o lugar das mulheres e dos negros naquela sociedade e o contraste entre comerciantes varejistas e os então chamados 'de grosso trato'. Em seguida, tomamos contato com a relação estabelecida entre o príncipe regente e os grandes comerciantes portugueses já estabelecidos no Rio de Janeiro antes da vinda da Corte. Eles e seus congêneres em Lisboa são os personagens centrais dessa trama que terá como desfecho o desmonte do sonho de um grande império transoceânico que se sustentava basicamente sobre o comércio entre as várias partes do que era a grande pátria portuguesa.
A vasta pesquisa iconográfica empreendida por Fernanda Carvalho complementa e ilustra o trabalho dos autores que é valorizada pelo moderno e sofisticado projeto gráfico de Ana Luisa Escorel e Laura Escorel, resultando de tudo nesse livro editado pela Ouro sobre Azul, que fecha com brilho as comemorações pelos 200 anos da chegada da Corte no Brasil.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Ouro Sobre Azul
Cód. Barras 9788588777286
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788588777286
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Capa dura
Número da edição 1
Ano da edição 2008
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 216
Peso 0.44 Kg
Largura 14.00 cm
AutorLustosa, Isabel; Piñeiro,Théo Lobarinhas

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Pátria e Comércio - Negociantes Portugueses no Rio de Janeiro Joanino