Frete Grátis
  • Google Plus

Penas Máximas No Processo Administrativo Disciplinar (Cód: 9397489)

Alencar Carvalho, Antonio Carlos

Fórum

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 85,00 R$ 68,00 (-20%) em até 2x de R$ 34,00 sem juros
Cartão Saraiva R$ 61,20 (-10%) em até 1x no cartão ou em até 3x de R$ 22,67 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva
Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 18:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

Formas de envio Custo Entrega estimada
X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Resultado da dissertação de mestrado do autor perante o Instituto Brasiliense de Direito Público, a pesquisa põe em xeque a simplista aplicação indiscriminada de penas máximas em
processos administrativos disciplinares, porquanto a constitucionalização do direito administrativo impõe julgamentos da Administração Pública que não podem se resumir à subsunção mecânica, herdada do velho positivismo jurídico e da primazia da lei ordinária, agora substituída pelo princípio da juridicidade e pelo império da Constituição. Pugna-se que o julgamento do processo disciplinar deve pautar- se pelas circunstâncias do caso concreto na decisão, de forma adequada aos valores e princípios constitucionais e com os direitos fundamentais, numa visão humanista do direito administrativo. Refuta-se a pretensa obrigatoriedade de invariável aplicação de penas máximas a título de vinculação administrativa, por força da possibilidade de afastamento, sedimentada na doutrina
pátria e estrangeira, no caso concreto decidendo, da solução-padrão da regra cominadora de sanção máxima) quando incoerente com o sistema ou conflitante com princípios da
Constituição. Aborda-se a repercussão dos princípios da razoabilidade, proporcionalidade,
motivação, individualização da pena, os valores constitucionais: do trabalho como direito social do servidor público; da carreira, que deve ser ponderado no caso de aplicação de penas máximas; a estabilidade como princípio constitucional que deve ser ponderado no caso de aplicação de penas máximas; o direito de proteção da honra do servidor, parâmetros que conformam necessariamente o exercício pela Administração Pública do seu poder disciplinar contra os titulares de cargos efetivos. Propõe-se uma interpretação conforme a Constituição do art. 132, da Lei Federal nº 8.112/1990 e no sentido de que o poder vinculado deve ser compreendido como forma de contenção do arbítrio do Estado e que os preceitos legais que cominam penas máximas devem ser interpretados sob o viés de proporcionarem segurança jurídica aos servidores, não com o efeito de obrigarem a autoridade administrativa a aplicar penas máximas mecanicamente e sem consideração dos fatos de cada situação.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Fórum
Cód. Barras 9788545001560
Altura 21.50 cm
I.S.B.N. 9788545001560
Profundidade 1.50 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2016
Idioma Português
Número de Páginas 326
Peso 0.41 Kg
Largura 14.50 cm
AutorAlencar Carvalho, Antonio Carlos

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Penas Máximas No Processo Administrativo Disciplinar

Penas Máximas No Processo Administrativo Disciplinar (Cód: 9397489) Penas Máximas No Processo Administrativo Discipli... (Cód: 9397489)
R$ 68,00
Penas Máximas No Processo Administrativo Disciplinar (Cód: 9397489) Penas Máximas No Processo Administrativo Discipli... (Cód: 9397489)
R$ 68,00