Frete Grátis
  • Google Plus

Poemas Escolhidos (Cód: 1996737)

Mattos, Cyro de

ESCRITURAS

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 23,00
Cartão Saraiva R$ 21,85 (-5%) em até 1x no cartão
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Esta nova coletânea de Cyro de Mattos, poeta brasileiro da Bahia e do mundo, conquistou o Troféu de Prata San Marco na 10a Edição do Prêmio Literário Internacional Maestrale Marengo d'Oro, em Gênova, Itália, em setembro de 2006. Organizada pela poetisa, crítica e tradutora italiana Mirella Abriani, também responsável pela versão em italiano, tem apresentação da professora Maria Irene Ramalho, da Universidade de Coimbra.
A obra reúne 25 poemas retirados de vários volumes do autor: Vinte poemas do rio, Cancioneiro do cacau, Os enganos cativantes, O menino camelô, Rumores de relva e de remo, com alguns outros inéditos. A escolha recai na líquida suavidade de uma poética de aquosa transparência, fluidamente vertida do português para o italiano.
Na poesia de Cyro de Mattos, a água, que é fundamento da vida é, em sua heraclítea correnteza, a saudade da origem que a poesia não tem. Por isso é tão pungente esse 'rio morto' no poema de mesmo título, um rio que 'chora água' de saudades pelo passar e desgastar do tempo. É, pois, ilusória a inocência que transparece nestes poemas, que apenas convencionalmente poderíamos chamar 'da natureza'.
Em Poemas escolhidos, Mattos recria a toada popular das baladas ou cantares jogralescos, que fundem música, palavra e imagem. O que existe é a utopia da líquida música dos sentidos de sua poesia.
'Quando Cyro de Mattos participou em Coimbra do II Encontro Internacional de Poetas, lendo os seus poemas na bucólica e romântica Lapa dos Esteios, a claridade límpida do seu lirismo impressionou quantos o ouviram. De novo ouço essa voz-de-água nestes Poemas escolhidos, e o rio que os atravessa, o Cachoeira que banha Itabuna, aliás, coincidente, com o próprio poema que tem por título o nome da cidade brasileira do cacau, bem podia ser o Mondego que atravessa Coimbra.'

Características

Produto sob encomenda Não
Editora ESCRITURAS
Cód. Barras 9788575312629
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788575312629
Profundidade 0.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2007
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 96
Peso 0.16 Kg
Largura 14.00 cm
AutorMattos, Cyro de

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Poemas Escolhidos