Frete Grátis
  • Google Plus

Pontos de Vista de um Palhaço (Cód: 2582135)

BOLL ,HEINRICH

Estação Liberdade

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 50,00
Cartão Saraiva R$ 47,50 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 25,00 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Trata-se da segunda obra de Heinrich Böll, Prêmio Nobel de 1972. Obra que teve de esperar o falecimento do autor para ver a luz do dia, por mexer em feridas ainda muito abertas da Alemanha pós-guerra. Böll é autor de importância capital, junto com Günther Grass (outro Prêmio Nobel) e Peter Handke, para a formação de uma literatura coesa de língua alemã numa época de consolidação do país. No caso da presente obra, a Alemanha retratada é outra. Roída por conflitos ideológicos, sofrendo ocupação e influência das potências vencedoras da Segunda Guerra Mundial, rasgada ao meio por querelas entre protestantes e católicos (quando lançada, a obra suscitou uma polêmica nacional sobre a Igreja católica alemã que durou meses), em crise consigo mesma em todas as esferas, socialmente reprimida e cerceada. É nesse cenário desolador, campo fértil para prosadores hábeis, que se move Hans Schnier, personagem irreverente e irrequieto, prestes a vender sua alma de palhaço profissional e um tanto mefistofélico para poder manter sua condição errante. Persistente, soltando verdades que doem embora não seja nenhum bobo de corte, Schnier renega sua família da alta burguesia industrial e, como a imitar um ato extremo de pantomima, parte com os meios de bordo em busca da reconquista algo quixotesca do amor de sua vida.
Abandonado pela mulher, Marie, em decorrência da situação pouco sólida de sua relação e de seus conflitos de natureza religiosa, o palhaço Hans Schnier procura tê-la de volta a qualquer custo. Nesse percurso de retorno à cidade de Bonn e na tentativa de estabelecer novamente o contato que foi bruscamente cortado por Marie, Schnier alterna momentos de depressão e angústia com suas lembranças, desde a infância até o final do relacionamento amoroso. Esse processo de ida e vinda, passado e presente, permite que o leitor vá reunindo as peças que compõem a história e a personalidade complexa do personagem. Narrado em primeira pessoa, o texto apresenta a perspectiva amargurada e por vezes violenta de Schnier, permitindo uma maior liberdade interpretativa ao leitor e assegurando, se não a fidelidade deste aos pontos de vista do personagem, certamente sua permanência até a última linha.
Obra marcante por seu humanismo crítico, foi adaptada diversas vezes para o teatro, e em 1976 para o cinema, em bela versão do tchecoslovaco Vojtech Jasny e do próprio autor, com Helmut Griem e Hanny Schygulla nos papéis principais

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Estação Liberdade
Cód. Barras 9788574481456
I.S.B.N. 9788574481456
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2008
Idioma Português
País de Origem Brasil
Número de Páginas 312
Peso 0.44 Kg
AutorBOLL ,HEINRICH

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Pontos de Vista de um Palhaço