Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 42 Artboard 21 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 42 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 23 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 6 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 43 Artboard 44 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 46 Artboard 8
e-book

Sanshalliet a cidade das tempestades (Cód: 9201984)

Janaine Moreira

publique-se!

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 6,99

em até 1x de R$ 6,99 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Sanshalliet a cidade das tempestades

R$6,99

Descrição

Não havia uma estrada de ida ou de volta, ou qualquer luz no final do túnel. Eu assisti á tudo, me via atirando-me contra as paredes, mas uma vez o meu coração parou de pulsar. Os gritos se abafaram e meus olhos ficaram arregalados e cegos.
Ele se aproximava do meu corpo, tinha feições de um viajante, os trajes eram velhos e remendados, os seus olhos me encaravam, como se pudesse me ver parada ali diante do meu próprio corpo. Ele me estendia á mão e por mais que tentasse eu jamais conseguia alcançá-lo. Os seus olhos verdes amarelos ferviam como fogo, e a tonalidade ia ficando cada vez mais escura, até parecerem completamente cinzentos, e novamente eu estava parada e sozinha esperando alguém me acordar.
De repente o vento soprou frio nas asas do abandono e a forte ventania padeceu o teto. Os estilhaços de telha caíram sobre o meu corpo ferido, uma desta fizera uma ferida no meu rosto. Quando a casa começou a desmoronar, ele atravessou as paredes, como se estivesse transcendendo os céus. Os seus olhos eram como espelhos e até mesmo o vento transpassava o seu corpo intocável, era um homem sem expressão ou feição alguma, ele me puxou pelo braço enquanto as paredes desmoronavam sobre nós. Ele era o vento arrebatando o meu corpo.

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Sim
Marca publique-se!
Idioma 333
Acabamento e-book
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Pdf
Gratuito Não
Proteção Drm Não
Coleção / Série Parte 1
Início da Venda 15/10/2015
Código do Formato Pdf
Cód. Barras 9999092019841
Ano da Publicação 115
AutorJanaine Moreira