Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 42 Artboard 21 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 42 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 23 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 6 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 43 Artboard 44 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 46 Artboard 8

Sertão Mar (Cód: 1981876)

Xavier,Ismail

Cosac Naify

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

De: R$ 69,00

Por: R$ 16,00

em até 1x de R$ 16,00 sem juros
Boleto: R$ 14,40 (-10%)
Cartão Saraiva: 1x de R$ 15,20 (-5%)

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


Sertão Mar

R$16,00

Descrição

Publicado originalmente em 1983, Sertão Mar: Glauber Rocha e a estética da fome, de Ismail Xavier, é um estudo crítico inovador sobre o cinema brasileiro. Seu impacto metodológico e teórico estendeu-se para além do cinema. O livro, que estava há muito tempo fora de catálogo, foi considerado um dos mais importantes da década de 80, em enquete realizada pela Folha de S. Paulo.
'Sertão Mar' trata de uma série de filmes da chamada 'fase heróica' do cinema novo - os anos 1960 - notadamente Barravento [1961-62] e Deus e o diabo na terra do sol [1963-64], de Glauber Rocha, justapostos com seus pares mais comerciais O pagador de promessas e O cangaceiro.
A abordagem de Ismail Xavier representou uma novidade na época, pelo fato de não ser nem sociológica, nem estética, permitindo que filmes tanto de estilo clássico quanto de estilo moderno revelassem seus segredos, por meio de um processo de iluminação mútua.
Indo muito além da análise dos filmes, o crítico oferece uma percepção dos dilemas estéticos e políticos do Brasil no começo da década de 1960, principalmente através da contradição discursiva do estilo de Glauber Rocha.

Características

Peso 0.45 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora Cosac Naify
I.S.B.N. 9788575036372
Altura 23.00 cm
Largura 15.50 cm
Profundidade 1.00 cm
Número de Páginas 227
Idioma Português
Acabamento Capa dura
Cód. Barras 9788575036372
Número da edição 1
Ano da edição 2007
País de Origem Brasil
AutorXavier,Ismail