Frete Grátis
  • Google Plus

Sobre o Teatro (Cód: 2882159)

Deleuze, Gilles

Zahar

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 49,90 R$ 43,90 (-12%)
Cartão Saraiva R$ 41,71 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 21,95 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva
Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 18:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

Formas de envio Custo Entrega estimada
X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Dissemos o suficiente para mostrar que, se não tivéssemos qualquer prova histórica relativa às condições de vida na Inglaterra do final do século XVI e início do XVII, exceto as peças e poemas de Shakespeare, mesmo assim poderíamos construir, a partir apenas de suas obras, um retrato bastante verdadeiro da economia de seu tempo. Sabemos que se trata de uma época de descobertas, empreendimentos e comércio que alcançaram partes distantes e ainda inexploradas do mundo. Esse comércio marítimo resultou na importação de muitos produtos estrangeiros, tais como frutas e legumes exóticos, relógios, ricos tecidos de seda, especiarias variadas e outras coisas. Para facilitar tal comércio externo, desenvolveu-se um sistema bancário e de crédito. O uso de letras de câmbio e hipotecas era comum. A falência era bem conhecida. O sistema arábico de aritmética estava substituindo o cálculo feito com peças ou contas. A cunhagem de moedas no país era sofisticada, e até as moedas estrangeiras entraram em uso comum. A redução do conteúdo metálico da moeda foi diversas vezes usada pelo governo, assim como os indivíduos também lançavam mão do recorte e desgaste de moedas. O valor da prata, medido em ouro, ainda era alto em comparação com os tempos modernos. No que diz respeito à agricultura e ao mundo rural, Shakespeare nos mostra que a atividade agrícola era diversificada e a criação de ovelhas importante. Ele até nos dá o preço da lã em seu tempo. Mostra que as propriedades dos cavalheiros ornavam-se de pomares, jardins esmerados e lagos de pesca. A propriedade da terra era um tanto complicada. Existia uma distinção entre terrenos de propriedade individual e terras comuns, e a questão dos cercamentos provocava reações profundas. As artes manuais tinham produção obviamente reduzida. Não havia manufatura em grande escala. A mineração e a metalurgia ainda não tinham assumido uma posição de preeminência. Os artesãos eram vistos mais ou menos com desprezo pelas classes dominantes. Os trabalhadores rurais não se especializavam e desempenhavam suas funções baseados apenas na experiência. Estavam num período de transição, passando de uma condição de estatuto fixo à de contrato, e o desemprego e a vagabundagem eram bastante comuns. A sociedade de Shakespeare era aristocrática em sua estrutura, e prevalecia a primogenitura. Mas pensadores avançados estavam conscientes dos abusos na distribuição da riqueza e dos males da concessão de monopólios e outros privilégios que a posição social e a riqueza eram capazes de obter. Eles já sonhavam com a criação de uma comunidade ideal da qual esses males estariam banidos. Felizmente, o historiador econômico não precisa estudar seu Shakespeare para obter um retrato da vida econômica da era elisabetana. Os arquivos bem preservados do governo, das universidades e empresas, para não falar dos escritores da época, fornecem-lhe material muito amplo. Mas o fato de esses dados serem encontrados nos escritos do maior poeta da Inglaterra é de inegável interesse tanto para o economista quanto para o estudioso de literatura.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Zahar
Cód. Barras 9788537802038
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788537802038
Profundidade 1.00 cm
Ano da edição 2010
Idioma Português
País de Origem Brasil
Peso 0.44 Kg
Largura 14.00 cm
AutorDeleuze, Gilles

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Sobre o Teatro

Sobre o Teatro (Cód: 2882159) Sobre o Teatro (Cód: 2882159)
R$ 43,90
Sobre o Teatro (Cód: 2882159) Sobre o Teatro (Cód: 2882159)
R$ 43,90