Frete Grátis
  • Google Plus
Livro Digital

Teoria do Precedente Judicial - a Justificação e a aplicação de regras jurisprudenciais (Cód: 8872673)

Bustamante,Thomas da Rosa de

Noeses (Edição Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 70,20 em até 2x de R$ 35,10 sem juros
Cartão Saraiva R$ 66,69 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 3x de R$ 23,40 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva

Descrição

Seguir precedentes é uma manifestação da racionalidade prática humana. No direito, o argumento por precedentes está presente em todas as culturas jurídicas e constitui uma das mais importantes fontes de normas para solucionar casos concretos. Aqui, sustenta-se um método universal para interpretar e aplicar regras derivadas de precedentes judiciais. O pano de fundo é a teoria do discurso, que fornece a base para o estabelecimento de diretivas específicas destinadas a racionalizar o processo de aplicação de precedentes na argumentação jurídica. A ratio decidendi, que constitui o elemento vinculante do direito jurisprudencial, pode ser alcançada de acordo com um modelo silogístico que reconstrói as premissas normativas utilizadas na decisão tomada como precedente/paradigma. É essa ratio decidendi que será aplicada para resolver problemas concretos que surgirão em casos futuros.
Mas não basta reconhecer essa regra, é necessário um discurso de justificação em que é estabelecido não apenas o seu conteúdo, mas também a sua força e o seu âmbito de aplicação, que dependerá dos fatores institucionais e extra-institucionais que determinam a obrigação de levar em consideração os precedentes judiciais. Não obstante, mesmo quando houver consenso sobre a validade de uma regra jurisprudencial é possível o surgimento de problemas de aplicação que justifiquem o afastamento das consequências dessas regras em casos particulares. Esse fenômeno, assaz frequente na argumentação por precedentes, pode ser resolvido pelas técnicas do distinguishing – que envolve a redução teleológica e o argumento a contrario – e da analogia.
Ao enfrentar esses problemas, o trabalho enxerga a si mesmo como parte de uma teoria geral da argumentação jurídica, buscando estabelecer uma série de diretivas para a interpretação e a aplicação de precedentes judiciais e determinar os principais fatores institucionais e não-institucionais que influem sobre a força do precedente judicial na argumentação jurídica.
Com essas considerações, o trabalho demonstra que é equivocada a ideia de que a atribuição de efeito vinculante a um precedente poderia esgotar o trabalho do intérprete na aplicação das normas judiciais aos casos ainda por ser decididos, e que há uma série de requisitos que uma decisão fundada em precedentes judiciais deve observar a fim de que ela possa ser tida como corretamente fundamentada.
Thomas da Rosa de Bustamante é professor adjunto da UFMG, membro do corpo permanente do programa de pós-graduação stricto sensu da UFMG e honorary lecturer da Universidade de Aberdeen (Reino Unido).

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca Noeses (Edição Digital)
Cód. Barras 9999088726739
Início da Venda 14/04/2015
Territorialidade Brasil
Formato Livro Digital Pdf
Gratuito Não
Tamanho do Arquivo 1569
Proteção Drm Sim
Número da edição 1
Ano da edição 2012
Idioma Português
Número de Páginas 583 (aproximado)
Peso 0.00 Kg
AutorBustamante,Thomas da Rosa de

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Teoria do Precedente Judicial - a Justificação e a aplicação de regras jurisprudenciais

Teoria do Precedente Judicial - a Justificação e a aplicação de regras ... (Cód: 8872673) Teoria do Precedente Judicial - a Justificação e... (Cód: 8872673)
R$ 70,20
Teoria do Precedente Judicial - a Justificação e a aplicação de regras ... (Cód: 8872673) Teoria do Precedente Judicial - a Justificação e... (Cód: 8872673)
R$ 70,20