Frete Grátis
  • Google Plus

Tratados da Vida Moderna (Cód: 2632613)

Balzac,Honore

Estação Liberdade

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 43,00
Cartão Saraiva R$ 40,85 (-5%) em até 1x no cartão ou em até 2x de R$ 21,50 sem juros
Grátis

Cartão Saraiva
Quer comprar em uma loja física? Veja a disponibilidade deste produto
?

Entregas internacionais: Consulte prazos e valores de entrega para regiões fora do Brasil na página do Carrinho.

ou receba na loja com frete grátis

X

* Válido para compras efetuadas em dias úteis até às 18:00, horário de Brasília, com cartão de crédito e aprovadas na primeira tentativa.

Formas de envio Custo Entrega estimada
X Consulte as lojas participantes

Saraiva MegaStore Shopping Eldorado Av. Rebouças, 3970 - 1º piso - Pinheiros CEP: 05402-600 - São Paulo - SP

Descrição

Já nos textos ora reunidos sob o título Tratados da vida moderna foram escritos entre 1830 e 1839. Em 1830, em La Silhouette, vem a público a 'Fisiologia do vestuário'. No ano seguinte, o mesmo jornal publica a 'Fisiologia gastronômica'. No primeiro, a partir da análise do uso da gravata e dos paletós com ou sem forro, faz-se, em tom zombeteiro, uma crítica à falta de imaginação e leveza que ele via na sociedade parisiense. No divertidíssimo 'Fisiologia gastronômica', vê-se uma classificação dos comedores e bebedores em 'o glutão, o comilão, o gourmand, o guloso, o gastrônomo, o ébrio, o bebedor, o sommelier, o degustador, o gourmet.' Ridicularizando as figuras do 'comilão' e, sobretudo, do 'glutão', o autor, impiedoso, não economiza acidez em suas caracterizações.
Em 1833, nos jornais La Mode e L'Europe Littéraire, são publicados o 'Tratado da vida elegante' e a 'Teoria do mover-se', respectivamente. No 'Tratado da vida elegante', a partir de uma divisão dos homens em três classes com modus vivendi diversos, Balzac, por meio de aforismos, sintetiza os preceitos obrigatórios ao comportamento elegante. Seu projeto inicial previa um estudo do corpo em movimento, que acabou sendo publicado separadamente sob o título 'Teoria do mover-se', texto que justapõe a graça no mover-se ou a falta dela aos tipos que deambulavam na sociedade francesa.
Escrito para servir de apêndice à obra Fisiologia do gosto, do gastrônomo Brillat-Savarin, em 1839 chega aos leitores o 'Tratado dos excitantes modernos', texto que versa sobre os excessos no consumo de aguardente, açúcar, chá, café e tabaco. 'Todo excesso baseia-se em um prazer que o homem deseja repetir para além das leis comuns promulgadas pela natureza.'
Com seu estilo situado em zona limítrofe entre o didatismo analítico e a ironia, com um quê de bem humorada coluna social, este Tratados da vida moderna vem acompanhado de posfácio de Leila de Aguiar Costa, tradutora e especialista em literatura francesa do século XIX, além de biografia do autor.

Características

Produto sob encomenda Sim
Editora Estação Liberdade
Cód. Barras 9788574481524
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788574481524
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2009
MÊS MARÇO
Idioma Português
Número de Páginas 240
Peso 0.44 Kg
Largura 14.00 cm
AutorBalzac,Honore

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Tratados da Vida Moderna

Tratados da Vida Moderna (Cód: 2632613) Tratados da Vida Moderna (Cód: 2632613)
R$ 43,00
Tratados da Vida Moderna (Cód: 2632613) Tratados da Vida Moderna (Cód: 2632613)
R$ 43,00