Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Um Império de Papel. Imagens do Colonialismo Português (Cód: 8632806)

Leonor Pires Martins

Edições 70

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 156,00

em até 5x de R$ 31,20 sem juros
Cartão Saraiva: 1x de R$ 148,20 (-5%)

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Origem

R$ 49,90

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 5x sem juros de R$ 0,00


Um Império de Papel. Imagens do Colonialismo Português

R$156,00

Descrição

Este livro, sendo profusamente ilustrado, tem um risco. Ao disponibilizar num único volume uma grande quantidade de ima-gens sobre o império português, pode produzir um efeito semelhante àquele que exerceram as exposições coloniais no país através de um discurso visual que juntava aquilo que estava separado: dar realidade a uma ficção. Ou, neste caso, a produzir novas ficções – e, em particular, a de que a abundância de iconografia aqui reproduzida representa um interesse geral de docu-mentação visual do império na sociedade portuguesa da época.
É verdade que no período de que aqui se trata foi criada, na imprensa, uma iconografia sobre o império suficiente para se pro-duzir um livro. No entanto, vale a pena registar que o império – e toda a informação que circulava sobre ele – não inspirou cinema ou literatura relevantes. Do mesmo modo, se quiséssemos organizar uma exposição de arte com motivos coloniais tam-bém não encontraríamos materiais nobres suficientemente relevantes para se produzir esse evento. De resto, os próprios propa-gandistas e ideólogos do império comentavam com críticas e queixumes o evidente desinteresse dos artistas e escritores pelas questões do império. Poder-se-á dizer que o império de papel aqui referido foi-o sobretudo de papel de jornal e revista. Não chegou a ser sequer um império, de capa dura ou emoldurado – e muito menos de película.

Características

Peso 0.27 Kg
Produto sob encomenda Não
Editora Edições 70
I.S.B.N. 9789724418360
Altura 23.00 cm
Largura 16.00 cm
Profundidade 5.00 cm
Número de Páginas 216
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9789724418360
Número da edição 1
Ano da edição 2015
AutorLeonor Pires Martins