Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
e-book

A casa do poeta trágico (Cód: 9354526)

Nova Fronteira (Livros Digitais)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 19,90 R$ 13,93 (-30%)
Cartão Saraiva R$ 13,93

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


A casa do poeta trágico

R$13,93

Descrição

EXCLUSIVO EM EBOOK!Sobre Carlos Heitor Cony:
Estreou na literatura ganhando por duas vezes consecutivas o Prêmio Manuel Antônio de Almeida.
Ganhou em quatro ocasiões o Prêmio Jabuti na categoria Romance, duas vezes o Prêmio Livro do Ano da Câmara Brasileira do Livro e o Prêmio Nacional Nestlé de Literatura. Em 1998, foi condecorado pelo governo francês com a L’Ordre des Arts et des Lettres. Foi eleito para a Academia Brasileira de Letras em março de 2000.Prêmio Jabuti (1998)
Livro do Ano — Câmara Brasileira do Livro (1998)'Augusto a sentia, sempre a sentira. Sobretudo quando ela nada fazia. Fora assim no dia em que a vira pela primeira vez, há vinte anos, no navio que se aproximava de Nápoles, no final do verão de 1975.”Augusto é um publicitário bem-sucedido que já não espera muito da vida. Durante um cruzeiro pelo Mediterrâneo, despreza os passageiros e a rotina enfadonha em alto-mar. No entanto, a visão de uma enigmática adolescente a bordo, trinta anos mais nova, lhe desperta uma obsessão silenciosa. E, quando ela desembarca em Nápoles, no penúltimo dia de viagem, Augusto decide descer também e empreender uma perseguição imprevisível.Do encontro dos dois — em igual medida ocasional e premeditado — , nasce um pedido que vai determinar a vida de ambos: a jovem Mona deseja que Augusto lhe conte a “história do mundo”. Em meio ao que restou de Pompeia, os dois passam a primeira noite juntos, a primeira noite de uma história de amor repleta de reviravoltas, silêncios e premonições.Lançado em 1997 e vencedor do Jabuti — Livro do Ano de Ficção, A casa do poeta trágico acentua, ao lado de Quase memória, o retorno triunfal de Carlos Heitor Cony ao romance.

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Sim
Marca Nova Fronteira (Livros Digitais)
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Epub
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Coleção / Série Cony Nova Fronteira Acervo
Início da Venda 07/07/2016
Código do Formato Epub
Cód. Barras 9788520938881
Ano da Publicação 115