Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

A Rosa Separada - Ed. Bilingue - Col. Pocket (Cód: 178112)

Neruda, Pablo

L&PM

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 16,90
Cartão Saraiva R$ 16,06 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


A Rosa Separada - Ed. Bilingue - Col. Pocket

R$16,90

Descrição

'A Rosa Separada', publicado em 1972, é uma homenagem de Pablo Neruda (1904-1973) à Ilha de Páscoa. Antigamente chamada pelos nativos de Rapa Nui, dizem os pesquisadores não ser esta a sua denominação original. Em suas lendas mais antigas, os nativos sempre denominaram sua ilha com nome equivalente ao significado de 'umbigo do mundo'. Mas também este nome pode vir a ser mais uma descrição poética do que a denominação verdadeira da ilha. Os nativos igualmente a chamaram O olho que vê o céu ou A fronteira do céu. Todos os que vivem a milhares de quilômetros da ilha preferem dar a ela o nome de Ilha de Páscoa, porque foi na tarde do dia de Páscoa, em 1722, que o holandês Roggeveen a descobriu. Neste livro, Neruda fala tanto da natureza da ilha quanto da natureza dos homens que a habitavam e os que a descobriram.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora L&PM
Cód. Barras 9788525414175
Altura 18.00 cm
I.S.B.N. 8525414174
Profundidade 0.50 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2005
Idioma Português,Espanhol
País de Origem Brasil
Número de Páginas 120
Peso 0.10 Kg
Largura 11.00 cm
AutorNeruda, Pablo