Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
Promoção Visa Checkout

Alegorias da Maldição - a Escrita Fantástica de José Alcides Pinto e o Ceará (1960-80) (Cód: 4079046)

Firmino,Francisco Francijés

Democrito Rocha

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 29,00
Cartão Saraiva R$ 27,55 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Alegorias da Maldição - a Escrita Fantástica de José Alcides Pinto e o Ceará (1960-80)

R$29,00

Descrição

'Alegorias da Maldição', de Francisco Francijési Firmino, transita no Ceará “de muitas faces”, pelos trilhos da historicidade, a partir da escrita fantástica de José Alcides Pinto (1923-2008), ao se debruçar nas obras da sua Trilogia da Maldição e repensar o conceito de espaço, tratado, aqui, “como uma construção que se modifica no curso do tempo (...) e que se expressa entre formas móveis e sentidos plurais, produzindo coerências de naturezas e culturas”, na tentativa de compreender as tensões que ocorreram sobre a identidade cearense, entre as décadas de 1960 a 1980. A alegoria (“expressão histórica e social do esfacelamento da identidade”) e o símbolo, elementos dessas narrativas, são os conceitos centrais desta obra, que se volta ao espaço de significados duvidosos, partidos, diabólicos, malditos, em que a alegoria alcidiana irrompe no cruzamento entre a crise dos símbolos da seca, do misticismo e do coronelismo e a emergência dos discursos modernizadores.

Características

Produto sob encomenda Não
Editora Democrito Rocha
Cód. Barras 9788575295588
Altura 21.00 cm
I.S.B.N. 9788575295588
Profundidade 1.00 cm
Acabamento Brochura
Número da edição 1
Ano da edição 2012
Idioma Português
Número de Páginas 248
Peso 0.44 Kg
Largura 14.00 cm
AutorFirmino,Francisco Francijés