Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
e-book

As aventuras do Bodão (Cód: 9712720)

ADhemyr Fortunatto

Vermelho Marinho (Edi??o Digital)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

De: R$ 9,90

Por: R$ 7,43

em até 1x de R$ 7,43 sem juros

Total:

Em até 1x sem juros de


Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total:

Em até 1x sem juros de


As aventuras do Bodão

R$7,43

Descrição

A transformação das estórias do Bodão em livro foi precedida de bastante observação da reação de leitores, nas ruas, nos bares, no comércio; do povo enfim, que quando recebia o jornal, comentava. Cada dia um comentário favorável diferente; sentíamos que as pessoas estavam ávidas por novas aventuras do Bodão.
E começou, assim, a vir sugestões dos próprios leitores do JR Notícias, onde, há alguns anos, temos publicado as aventuras do Bodão, no formato de crônicas, geralmente bem-humoradas.
O Bodão não é um galã, mas também não é um vilão.
É um sujeito do povão, como as pessoas comuns, que veem tudo dando certo, mas só no mundo ficcional, ou seja, nos livros, nos filmes, nas novelas, onde sempre tem aquele que se dá bem o tempo todo.
Não, o Bodão não se dá bem o tempo todo. (Risos). Se assim fosse, não haveria risos.
Também não se dá mal por todo o tempo.
Ele tenta acertar, pelo menos ele tenta.
Em alguns aspectos, o Bodão é um autêntico brasileiro, que muitas vezes busca nas desventuras e aventuras do dia a dia uma válvula de escape para fazer humor, tomar ‘umas’, ser desbocado, desorganizado, atrasado nos compromissos, ou nem chegar, não dizer a idade, não ser servo de relógios nem seguir agendas, se deixar levar pela preguiça, chutar o pau da barraca, não venerar a fama, fazer um churrasco, rir, e, muitas vezes, de si mesmo.
Talvez o Bodão tenha caído tanto no gosto popular porque muitos se acham, até certo ponto, um Bodão também, com acertos e erros, mas sempre em frente!
O mentor intelectual do Bodão foi o Editor do JR Notícias, o Professor Peninha (Jornalista e Professor José Antonio Fernandes), que foi quem primeiro aventou a hipótese desse figuraça, de nome simplesmente... Bodão...
Na época, fiquei pensando se aquele formato de humor “iria pegar”. Casos de inspiração popular protagonizados pelo Bodão; outros, arquitetados por esse autor. Enfim, aqui está o livro.
Logo, pegou!
Do muito que eu poderia dar, aqui vai esse pouco.
Ou, do pouco que eu poderia dar, aqui vai esse muito. (Risos...).
Sei lá, às vezes me acho meio Bodão, também.
Essa frase muitos leitores do JR Notícias já me disseram, igualmente.
Logo, não sou o único!
Não somos, enfim, únicos. (Né, Bodão?).

Características

Peso 0.00 Kg
Produto sob encomenda Sim
Marca Vermelho Marinho (Edi??o Digital)
Número de Páginas 208 (aproximado)
Idioma 333
Acabamento e-book
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Epub
Gratuito Não
Proteção Drm Sim
Início da Venda 20/04/2017
Código do Formato Epub
Cód. Barras 9788582650967
Número da edição 1
Ano da edição 2017
Ano da Publicação 117
AutorADhemyr Fortunatto