Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8
Livro Digital

Brasil periferia(s): A comunicação insurgente do hip-hop (Cód: 7033266)

Andréia Moassab

Educ (Livros Digitais)

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 27,00
Cartão Saraiva R$ 27,00

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Brasil periferia(s): A comunicação insurgente do hip-hop

R$27,00

Descrição

O hip hop é uma máquina de guerra, no sentido de Deleuze, ou seja, campo em que milhares de singularidades constroem resistências (batalha simbólica) aos programas dominantes enunciados pelas máquinas comunicacionais dos dispositivos mediáticos. Em Brasil Periferia(s): a comunicação insurgente do hip-hop as periferias do hip-hop não são as mesmas ditas no singular dos textos midiáticos hegemônicos. Para Andréia Moassab o que importa é marcar que tais movimentos não se pautam somente pela busca do dinheiro, do lucro, nem pelo princípio do desempenho que guia as ações das classes média e alta, dentro da busca de sucesso no capitalismo global guiado pela superprodução semiótica. Nesse sentido, o hip-hop é forma de vida, de conhecimentos, de resistências, forma criativa de novos mundos, pois não basta resistir e contrapor-se ao mundo econômico hegemônico, sendo necessário criar mundos alternativos para se viver e inaugurar novas posições de sujeitos.

Características

Produto sob encomenda Sim
Marca Educ (Livros Digitais)
Cód. Barras 9788528304381
Acabamento ebook
Início da Venda 20/02/2014
Territorialidade Internacional
Formato Livro Digital Epub
Tamanho do Arquivo 2799
Proteção Drm Sim
Idioma Português
Número de Páginas 338 (aproximado)
VOLUME 1
Peso 0.00 Kg
AutorAndréia Moassab

Avaliações

Avaliação geral: 0

Você está revisando: Brasil periferia(s): A comunicação insurgente do hip-hop