Artboard 33 Artboard 16 Artboard 18 Artboard 15 Artboard 21 Artboard 1 Artboard 2 Artboard 5 Artboard 45 Artboard 45 Artboard 22 Artboard 9 Artboard 23 Artboard 17? Artboard 28 Artboard 43 Artboard 49 Artboard 47 Artboard 38 Artboard 32 Artboard 8 Artboard 22 Artboard 5 Artboard 25 Artboard 1 Artboard 42 Artboard 11 Artboard 41 Artboard 13 Artboard 23 Artboard 10 Artboard 4 Artboard 9 Artboard 20 Artboard 6 Artboard 11 Artboard 7 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 12 Artboard 25 Artboard 34 Artboard 39 Artboard 24 Artboard 13 Artboard 19 Artboard 7 Artboard 24 Artboard 31 Artboard 4 Artboard 14 Artboard 27 Artboard 30 Artboard 36 Artboard 44 Artboard 12 Artboard 17 Artboard 17 Artboard 6 Artboard 27 Artboard 19 Artboard 30 Artboard 29 Artboard 29 Artboard 26 Artboard 18 Artboard 2 Artboard 20 Artboard 35 Artboard 15 Artboard 14 Artboard 48 Artboard 50 Artboard 26 Artboard 16 Artboard 40 Artboard 21 Artboard 29 Artboard 10 Artboard 37 Artboard 3 Artboard 3 Artboard 46 Artboard 8

Cia Manual Oficial de Truques e Espionagem (Cód: 3063695)

Melton,H. Keith; Wallace,Robert

Casa Da Palavra

Ooopss! Este produto está temporariamente indisponível.
Mas não se preocupe, nós avisamos quando ele chegar.

Ooops! Este produto não está mais a venda.
Mas não se preocupe, temos uma versão atualizada para você.

Ooopss! Este produto está fora de linha, mas temos outras opções para você.
Veja nossas sugestões abaixo!

R$ 34,90
Cartão Saraiva R$ 33,16 (-5%) em até 1x no cartão

Crédito:
Boleto:
Cartão Saraiva:

Total: R$0,00

Em até 1x sem juros de R$ 0,00


Cia Manual Oficial de Truques e Espionagem

R$34,90

Descrição

Como eram as investigações e os artifícios utilizados pelos agentes da CIA antes da era tecnológica atual, quando não existiam computadores pessoais?
Mágica ou espionagem? Em 1950, o mágico John Mulholland, um dos mais famosos dos EUA, foi convidado para produzir truques de espionagem, que foram usados largamente pela CIA por vários anos. Por segurança, todos os exemplares foram destruídos em 1973. Pelo menos era o que se acreditava, até que os autores encontraram os manuscritos em 2007 e depois de assegurar toda a fidelidade da história, decidiram publicar este livro. Trata-se de um documento único de uma época e da história da espionagem mundial. Em 1953, sob o pano de fundo da Guerra Fria, a CIA criou um programa super secreto, com nome de código MKULTRA, para reagir às novíssimas técnicas soviéticas de controle da mente e de investigação. Percebendo que os espiões poderiam precisar utilizar secretamente pílulas, drogas e pós contra o inimigo, a CIA contratou John Mulholland, o mais famoso mágico dos Estados Unidos, para escrever dois manuais sobre prestidigitação e técnicas de comunicação alternativas.
O que esta obra traz é uma compilação destes manuais com as instruções de Mulholland que adaptou as técnicas de mágicos para que os agentes da CIA pudessem fazer frente aos seus adversários soviéticos. Estes manuais foram elaborados para que os agentes de CIA pudessem repassar documentos com a máxima discrição, esconder pequenos objetos e ainda para conseguir provas. Aqui você encontra todos os trâmites da arte da espionagem utilizada entre o pós II Guerra e o auge da Guerra Fria.

Características

Peso 0.40 Kg
Produto sob encomenda Sim
Editora Casa Da Palavra
I.S.B.N. 9788563066237
Altura 23.00 cm
Largura 16.00 cm
Profundidade 1.00 cm
Número de Páginas 224
Idioma Português
Acabamento Brochura
Cód. Barras 9788563066237
Número da edição 1
Ano da edição 2010
País de Origem Brasil
AutorMelton,H. Keith; Wallace,Robert

Leia um trecho

CIA MANUAL OFICIAL DE TRUQUES E ESPIONAGEM Trecho do livro H. KEITH MELTON ROBERT WALLACE Em 1950, John Mulholland, um dos mais famosos mágicos dos EUA, foi convidado a produzir manuais com truques de espionagem, que foram usados largamente pela CIA durante vários anos. Entretanto, para que tudo permanecesse secreto, os exemplares produzidos foram destruídos em 1973. Pelo menos era o que se acreditava que tivesse ocorrido... Em 2007, H. Keith Melton e Robert Wallace, autores do CIA - Manual oficial de truques e espionagem, encontraram os manuscritos desses manuais e, depois de confirmar sua autenticidade, decidiram publicar este livro. Os manuais em questão foram elaborados para que os agentes de CIA pudessem repassar documentos com a máxima discrição, esconder pequenos objetos e até pessoas, e ainda conseguir provas. Em CIA - Manual oficial de truques e espionagem, você encontra tudo isso. Trata-se de um documento único de uma época e da história da espionagem mundial. Como eram as investigações e os artifícios utilizados pelos agentes da CIA antes da era tecnológica atual, quando não existiam computadores pessoais? Sob o pano de fundo da Guerra Fria, A CIA criou um programa supersecreto, com nome de código MKULTRA, para reagir às novíssimas técnicas soviéticas de controle da mente e de investigação. Percebendo que os espiões poderiam precisar utilizar secretamente pílulas, drogas e pós contra o inimigo, contratou John Mulholland, o mais famoso mágico dos Estados Unidos, para escrever dois manuais sobre técnicas alternativas de comunicação. O que esta obra traz é uma compilação destes manuais, com as instruções de Mulholland, que adaptou as técnicas de mágicos para que os agentes da CIA pudessem fazer frente aos seus adversários. Aqui, alguns exemplos ilustrados em CIA - Manual oficial de truques e espionagem. NO LIVRO, VOCÊ ENCONTRA TODOS OS TRÂMITES DA ARTE DA ESPIONAGEM UTILIZADA ENTRE O PÓS II GUERRA E O AUGE DA GUERRA FRIA. "Uma peça lendária 'perdida' da história da mágica... É o encontro de James Bond com Harry Houdini!" LANCE BURTON, campeão mundial de mágica o o o "Uma descrição cativante da espionagem e da magia mais secretas." PETER EARNEST, diretor executivo do International Spy Museum Uma pílula é fixada na caixa de fósforos... ... após riscar o fósforo, a mão que segura a caixa se baixa para soltar a pílula na xícara. Um recipiente para ocultação de líquido pode ser escondido em uma carteira e, depois, ser comprimido para expelir o líquido. Recipiente escondido em maço de cigarro. Tanque de combustível modificado para esconder pessoa resgatada de área inimiga.